Uso excessivo de agrotóxicos tem ligação direta com leucemia infantil

  • Informações do Sua Pegada Mais Leve / equipe eCycle
  • 27 Nov 2013
  • 09:12h

(Foto: Reprodução)

O consumo de agrotóxicos tem se mostrado um problema em vários países, inclusive no Brasil. Conforme dossîe, nosso país é o que mais usa desse artifício, o que colocava o país no patamar de maior consumidor de agrotóxicos do mundo. Porém, parece que perdemos o posto. Os costa-riquenhos são os novos campeões mundiais no consumo de agrotóxicos, segundo dados dos WRI (World Resources Institute), organização dedicada a investigar questões ambientais. Calcula-se o uso de tais substâncias em 51,2 quilos por hectare de terras, sendo que, em 2010, o Serviço Fitossanitário do MAG (Ministério de Agricultura e Pecuária, em sua sigla em espanhol), reportou o uso de 14 mil toneladas de ingredientes ativos de agrotóxicos, isto é, três quilos consumidos para cada habitante da Costa Rica. Um dos produtos mais usados é o chamado Mancozeb, muito utilizado nas culturas de milho no controle de doenças mancha branca e cercosporiose. Porém, o uso deste fungicida, conforme a Ficha de Segurança de Produtos Químicos (FISPQ), acarretou no desenvolvimento de tumores tiroidianos em ratos com nível de concentração de 750 partes por milhão na dieta. Não foi observada evidência de carcinogenicidade em estudos de longo prazo com camundongos.

Apesar disso, o engenheiro agrônomo costa-riquenho Fernando Ramírez explicou que este produto gera efeitos tóxicos em longo prazo e doenças crônicas. Ele ainda atentou para o uso de alguns fosforados e fungicidas, como o Paraquat (indefirido pela FEPAM, Fundação Estadual de Proteção Ambiental-RS)  e o Endosulfan, que já foram suspensos em muitos países, devido os seus efeitos sobre a saúde e o meio-ambiente.O uso excessivo de agrotóxicos, mesmo diante do conhecido fato de que estes causam danos à saúde e ao ambiente, motivaram ações que pudessem alertar para a necessidade de maior regulamentação dessa questão. Com isso, o Instituto Regional de Estudos sobre Substâncias Tóxicas (IRET) e o Instituto Karolinska, da Suécia, realizaram, em 2008, o estudo “Exposição ocupacional e ambiental de pais e mãe a agrotóxicos, outros contaminantes e leucemia”. “Dois fatores nos motivaram a promover esse estudo. O primeiro é que a Costa Rica tem uma das mais altas incidências mundiais de leucemia infantil, e o segundo é que entres as causas mencionadas na literatura internacional figura a exposição ou contato com substâncias químicas”, de acordo com a doutora Patrícia Monge Guevara, pesquisadora do IRET.  O resultado desse estudo mostrou que existe uma relação entre a incidência de leucemia e o uso de substâncias tóxicas e que o risco de desenvolver a doença (entre os que se expõe a agrotóxicos) é até três vezes maior que o normal. O estudo também mostrou que esta relação acaba sendo ainda mais alta quando o contato com essas substâncias é feito pela mãe durante a gestação e no primeiro ano de vida da criança.

CONTINUE LENDO

Brumado: Previsão acerta e chuvas caem sobre a capital do minério

  • Daniel Simurro / Brumado Urgente
  • 27 Nov 2013
  • 08:02h

As nuvens cobriram a Serra das Éguas, promessa de mais chuva durante os próximos dias (Foto: Daniel Simurro / Brumado Urgente)

Desta feita as previsões dos institutos meteorológicos não erraram e as chuvas vieram de forma muito mais generosa sobre a capital do minério, que voltou, depois de uma longa estiagem,-  inclusive, que foi uma das piores da história -, a respirar os ares abençoados da chuva, que caiu durante a madrugada e permaneceu, mesmo que mais branda, durante as primeiras horas da manhã desta quarta-feira (27). A atmosfera de alívio trazida pelas chuvas já começou a produzir um clima de muita positividade, principalmente para a população rural que já estava sendo “assombrada” pelo “fantasma” do desabastecimento, mas que, agora, está sendo visitada pela esperança de dias melhores, já que, em vários lugares do meio rural as aguadas, tanques e barragens praticamente ficaram com sua capacidade máxima. Outro fator importante é o fomento para a economia, já que com o período chuvoso a produção agrícola será dinamizada, provocando assim um grande otimismo no comércio local. Segundo as previsões as chuvas devem continuar nos próximos dias, o que fará com que a atmosfera natalina seja muito mais alegre neste final de ano de 2013. 

A forte mudança climática já podia ser facilmente observável nas primeiras horas da manhã pelas ruas de Brumado (Foto: Daniel Simurro / Brumado Urgente)

Hotel que pagará salário de R$ 20 mil a Dirceu é ligado a aliado de Dilma

  • Da Redação
  • 27 Nov 2013
  • 07:41h

O Saint Peter Hotel, em Brasília, que decidiu integrar um dos condenados do processo do mensalão, o ex-ministro José Dirceu, ao seu quadro de funcionários, com um generoso salário de R$ 20 mil, pertence ao irmão do presidente do PTN, um dos dez partidos que compuseram a base da candidatura de Dilma Rousseff em 2010. De acordo com informações obtidas pelo jornal Valor Econômico, o dono da empresa é Paulo Masci de Abreu, que pertence à mesma família de José Masci de Abreu, mais conhecido no meio político como Dr. José de Abreu. Os dois, segundo a publicação, são amigos de longa data de Dirceu. Antes de concretizar a proposta de emprego, a família Abreu teria realizado uma análise jurídica para saber se causariam problemas ao ajudar o amigo petista.

Brumado: Falta oposição ao Governo do Estado

  • Daniel Simurro / Brumado Urgente
  • 27 Nov 2013
  • 06:00h

(FotoMontagem: Daniel Simurro)

Enquanto na TV “Todo mundo odeia o Cris”, em Brumado, “quase todos amam o governador” e isso vem sendo apontado por algumas representações políticas como a causa principal do marasmo de ações por parte do governo do estado para com o município. Vivendo na “bandeja das promessas” os brumadenses esperam obras urgentes como a Segunda Etapa da Barragem de Cristalândia; a construção do Sistema de Esgotamento Sanitário; a UTI do Hospital Magalhães Neto; a construção da sede própria da Uneb; a Unidade Prisional e, fechando a lista, a reativação da sede local da Defensoria Pública Estadual, que foi, inclusive, objeto de uma moção de repúdio por parte do vereador José Carlos dos Reis e que foi subscrita e aprovada por toda a bancada de oposição. Em meio a essa atitude que foi classificada como de risco, alguns comentários “requentaram” uma situação que fica cada vez mais límpida, de que o Governo do Estado se acomodou com Brumado, já que, praticamente não existe oposição, o que, democraticamente se falando, é uma péssima posição, pois não existem grandes motivos para se investir onde se conta com 38 mil votos garantidos, num “replay” das eleições de 2010. 

 Enquanto na TV “Todo mundo odeia o Cris”, em Brumado, “quase todos amam o governador” e isso vem sendo apontado por algumas representações políticas como a causa principal do marasmo de ações por parte do governo do estado para com o município. Vivendo na “bandeja das promessas” os brumadenses esperam obras urgentes como a Segunda Etapa da Barragem de Cristalândia; a construção do Sistema de Esgotamento Sanitário; a UTI do Hospital Magalhães Neto; a construção da seda da Uneb; a Unidade Prisional e, fechando a lista, a reativação da sede local da Defensoria Pública Estadual, que foi, inclusive, objeto de uma moção de repúdio por parte do vereador José Carlos dos Reis e que foi subscrita e aprovada por toda a bancada de oposição. Em meio a essa atitude que foi classificada como de risco, alguns comentários “requentaram” uma situação que fica cada vez mais límpida, de que o Governo do Estado se acomodou com Brumado, já que, praticamente não existe oposição, o que, democraticamente se falando, é uma péssima posição, pois não existem motivos para se investir onde se conta com 38 mil votos garantidos, num “replay” das eleições de 2010. A fraqueza, a falta de coragem para o enfrentamento, ou o puro fisiologismo das “poltronas do comodismo” acabam prejudicando os brumadenses, já que a atuação eficaz de uma oposição é salutar para o processo político. Alimentadas somente por promessas, as esperanças da população brumadense em ver obras imprescindíveis para o progresso do município estão cada vez mais indo para as “gavetas do descaso”, como é o caso da segurança pública, em que Brumado vem sofrendo com sucessivas ondas de violência, que vêm sendo combatidas pelos soldados heróis da 34ª CIPM e pelos destemidos investigadores da 20ª Coorpin, que vêm obtendo um bom índice de resolutividade na solução dos crimes, mas que, em contrapartida, se mostram insuficientes para realizar a parte preventiva e ao mesmo tempo enfrentar a crescente criminalidade que vem aterrorizando cada vez mais a população, que se sente cada vez mais fragilizada diante desta inanição do Estado com essa questão. É facilmente detectável que a partir de agora os representantes do governo irão descer com seus “paraquedas” na capital do minério em busca de votos, garantindo obras e mostrando todo o seu poderio político, mas resta saber se a população irá mais uma vez sucumbir diante das promessas fantásticas de que Brumado será transformada, como num passe de mágica, numa “Phoenix do Sertão”.  É esperar para ver!!!

CONTINUE LENDO

Tomar refrigerante aumenta em 78% as chances de câncer de útero, diz estudo

  • Brumado Urgente
  • 26 Nov 2013
  • 22:00h

(Foto: Reprodução)

Um novo estudo está demonstrando o potencial maléfico dos refrigerantes em mulheres. De acordo com pesquisas, mulheres que tomam bebidas açucaradas têm mais de 78% de chances de desenvolver um tipo de câncer de útero. A doença atinge mulheres, em média, com 50 anos de idade, e é o quarto tipo de câncer mais comum no Reino Unido, matando mais de 2.000 mulheres todos os anos. O estudo, que levou 14 anos para ser concluído, teve a participação de 25.000 mulheres entre 50 e 60 anos com câncer endometrial, que afeta o revestimento interno do útero. Os participantes deram informações detalhadas sobre o que comeram e beberam. Mais de 50% das mulheres tomavam bebidas gaseificadas (refrigerantes) com açúcar. Quase 600 desenvolveram câncer de endométrio, a forma mais comum da doença, afetando gravemente o útero. No entanto, os pesquisadores não encontraram nenhum indício na versão diet (sem açúcar). A Universidade de Minnesota disse que seus pesquisadores não podem descartar a possibilidade de que as mulheres que tomavam refrigerantes açucarados tivessem péssimos hábitos de saúde. 

Nova lei da meia-entrada é aprovada no Senado

  • Informações da Agência Estado
  • 26 Nov 2013
  • 18:15h

Informações da Agência Estado

Foi aprovado no início da tarde desta terça-feira (26) na Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE) o substitutivo da Câmara dos Deputados ao projeto de lei do Senado (PLS 188/2007) que regulamenta o benefício da meia-entrada em espetáculos artísticos, culturais, esportivos e de entretenimento. Segundo nota da Agência Senado, a concessão ficará restrita a 40% dos ingressos disponíveis (e não se aplicará aos eventos da Copa do Mundo 2014 e das Olimpíadas do Rio de Janeiro de 2016). Os integrantes da comissão também aprovaram pedido de urgência para votação no plenário, para onde segue agora. A comissão espera que o pedido seja confirmado pelos líderes partidários e que a matéria seja agendada para votação final ainda nesta terça. O requerimento foi apresentado pelo relator da matéria na comissão senador Vital do Rêgo (PMDB-PB). Originalmente, o projeto, dos ex-senadores Eduardo Azeredo e Flávio Arns, previa o benefício apenas para estudantes e idosos com mais de 60 anos. O substitutivo da Câmara incluiu as pessoas com deficiência e os jovens de baixa renda de 15 a 29 anos, independentemente de vinculação ao sistema educacional. No caso das pessoas com deficiência, a meia-entrada é concedida, inclusive, quando necessário, ao acompanhante. Para terem direito ao benefício, os estudantes devem comprovar essa condição por meio da apresentação da Carteira de Identificação Estudantil (CIE) emitida por entidades estudantis de cada segmento. Já os idosos terão que apresentar documento de identidade oficial, enquanto os jovens carentes comprovarão essa condição por meio de comprovação de que estão inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico).

15 de dezembro tem Iª Cavalgada da Solidariedade

  • Divulgação
  • 26 Nov 2013
  • 16:27h

Divulgação

Aracatu: Instalação de quebra-molas gera protesto

  • Daniel Simurro / Brumado Urgente
  • 26 Nov 2013
  • 14:29h

Moradores protestaram contra a instalação do quebra-molas (Foto: Val Ribeiro / Brumado Urgente)

Frases como “Isso é um ato de irresponsabilidade”, “como que se coloca um quebra-molas num lugar como esse?”, foram ouvidas em alto e bom na manhã desta terça-feira (26) no município de Aracatu, ao mesmo tempo em que funcionários da Prefeitura trabalhavam na obra no cruzamento da Av. Otaviano Prates com uma das saídas da cidade. A colocação de quebra-molas na atualidade vem sendo muito contestada por especialistas em trânsito, os quais alegam que, mesmo que, em alguns casos, ele possa evitar acidentes, existe o outro lado, da falta sinalização, que pode, contrariamente provocar acidentes, ao invés de evitá-los. Com altura de uma lombofaixa e ainda sem a devida estrutura e, principalmente, sinalização, a instalação do quebra-molas gerou mesmo protestos, já que no local, o número de acidentes é muito baixo, apesar de ser uma das saídas principais da cidade. Segundo fontes ligadas à prefeitura o quebra-molas está num local apropriado e visa evitar acidentes, fazendo parte de um novo planejamento urbano que está sendo operacionalizado na cidade. 

Vereador Édio Pereira faz visita de trabalho ao Estádio Gilbertão

  • Daniel Simurro / Brumado Urgente
  • 26 Nov 2013
  • 11:15h

A visita foi muito produtiva segundo o vereador Édio Pereira, já que 50% das obras já foram concluídas (Foto: Daniel Simurro / Brumado Urgente)

Com um mandato com um olhar muito especial para o Esporte, o vereador Édio Pereira (PC do B) realizou uma nova visita de trabalho às obras do Estádio Gilbertão na manhã desta terça-feira (26). Acompanhado do empreiteiro Jair Silva e do secretário municipal de infraestrutura, engenheiro André Cardoso, o parlamentar se mostrou satisfeito com o que viu, já que os operários estavam trabalhando num ritmo frenético, buscando compensar os atrasos. A obra que foi conquistada junto ao deputado federal Daniel Almeida (PC do B), que não mediu esforços para que as verbas fossem conquistas junto ao Ministério do Esporte, na busca da realização de um dos grandes sonhos dos brumadenses que era ter um estádio de futebol digno, tendo a parceria importante com a Prefeitura Municipal, que também vem dando uma contribuição importante, como a concepção do projeto e a contrapartida de cerca de R$ 100 mil. .


O vereador Édio Pereira destacou a importância da obra como um divisor de águas para o esporte brumadense (Foto: Daniel Simurro / Brumado Urgente)


O Brumado Urgente esteve presenta à visita e falou com o vereador Édio Pereira, o qual, primeiramente destacou que “é uma imensa satisfação em voltar aqui no Gilbertão e ver a obra em pleno andamento. Sabemos que alguns entraves atrasaram a obra, mas lutamos junto ao deputado Daniel Almeida e os problemas começaram a ser solucionados e os repasses voltaram à normalidade”. Pereira ainda frisou que “as obras já estão com cerca de 50% concluída e a previsão, caso as verbas continuem a ser liberadas normalmente, é que elas sejam concluídas em meados de junho do ano que vem em sincronia com a Copa do Mundo”.


As novas arquibancadas terão capacidade para um público de cerca de dez mil pessoas (Foto: Daniel Simurro / Brumado Urgente)
 

Orçada em cerca de R$ 1,5 milhões, a recuperação do Estádio Gilbertão, que ficará com capacidade para comportar um público de cerca de 10 mil pessoas, representará uma nova era para o futebol brumadense que este ano, teve que ver a sua seleção municipal, disputar o intermunicipal na cidade vizinha de Ituaçu. Com uma campanha histórica a seleção da capital do minério chegou as quartas de final da competição, mostrando que, se houver os devidos investimentos, Brumado poderá figurar na lista dos melhores times da Bahia. “A reforma do Estádio Gilbertão será um divisor de águas para o Esporte brumadense, que inaugurará uma nova era para o nosso futebol, com um estádio que certamente será um dos melhores da região, com capacidade para cerca de 10 mil pessoas, com vestiários com grande qualidade, sistema de drenagem e iluminação”, declarou ainda Pereira. Sobre os próximos passos da obra ele observou que “o mais difícil são as arquibancadas que estão com quase 50% prontas, já o gramado vai compreender um serviço de terraplanagem e sobreposição da grama, bem como os alambrados que são pré-construídos, o que é mais rápido, então, devido a isso, acreditamos que no ano da copa os brumadenses serão contemplados com o realizar de um dos seus grandes sonhos na área esportiva”. 

As obras voltaram ao ritmo normal (Foto: Daniel Simurro / Brumado Urgente)


Deputados votam mudanças no ensino médio

  • Brumado Urgente
  • 26 Nov 2013
  • 10:02h

Foto: Reprodução

Membros da comissão especial que avalia a reformulação do ensino médio na Câmara Federal votam nesta terça-feira (26) o relatório do deputado Wilson Filho (PTB-PB), apresentado na semana passada. O texto reorganiza o currículo do ensino médio por áreas - linguagens, matemática, ciências da natureza e humanas - e inclui temas transversais, como prevenção ao uso de drogas e álcool, educação sexual e noções básicas da Constituição e do Código de Defesa do Consumidor. “A opinião quase unânime dos palestrantes [ouvidos pelo colegiado] foi de que o atual currículo do ensino médio é ultrapassado, extremamente carregado com excesso de conteúdos, com muitas disciplinas obrigatórias, em uma dinâmica que não reconhece as diferenças individuais e geográficas dos alunos”, argumentou o parlamentar à Agência Câmara. O parecer também traz a obrigatoriedade do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), com validade de três anos e a participação do aluno registrada no histórico escolar. O relator também sugere mudanças na educação profissional técnica de nível médio.

Advogada ressalta a importância da campanha pelo fim da violência contra as mulheres

  • Daniel Simurro / Brumado Urgente
  • 26 Nov 2013
  • 08:16h

A advogada Aline Meira fez um pronunciamento contundente sobre o tema (Foto: Daniel Simurro / Brumado Urgente)

O dia 25 de novembro é o Dia Mundial do Fim da Violência contra a Mulher e, aproveitando a importância da data, a advogada Aline Meira, representando o Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS Chico Xavier), foi ao Legislativo para fazer um pronunciamento sobre o tema e também falar detalhes da Campanha “16 dias de ativismo pelo fim da violência contra as mulheres”, a qual está sendo desenvolvida pelo órgão. Com um grande conhecimento de causa a advogada traçou um amplo panorama da situação, deixando claro que, apesar de alguns avanços, a luta para o fim da violência contra a mulher tem um grande caminho a percorrer. Dando um enfoque a situação vivenciada em Brumado, a advogada revelou números da violência contra a mulher, os quais comprovam que a situação é preocupante. “Segundo dados colhidos junto à 20ª Coorpin, no ano de 2012 foram registradas 314 ocorrências nesse sentido, ou seja, quase uma por dia; já em 2013, até outubro, os casos registrados atingem 265 queixas, o que serve de alerta, porque são números bem significativos”, alertou. Ela ainda ressaltou que “outro fator que não pode deixar de ser abordado é que inúmeros casos são subnotificados, ou seja, não chegam a ser oficializados, o que torna o quadro ainda mais grave”. A advogada ainda asseverou que “a violência contra a mulher tem um esteio na nossa cultura, já que o machismo ainda é um fator muito preponderante. Isso, infelizmente, ainda é uma realidade que precisa passar por uma transformação comportamental, já que os estereótipos e paradigmas acabam prejudicando a mulher. Então é preciso realizar campanhas como essa e alertar as mulheres sobre a importância da denúncia”. A campanha irá culminar numa grande caminhada com a participação dos componentes da rede socioassistencial e demais convidados, saindo da Praça da Igreja Matriz em direção ao Mercado Municipal, no dia 06/12, às 16h. 

Grupo Topázio realizará Show Folclórico

  • Divulgação
  • 26 Nov 2013
  • 07:53h

Divulgação

O Grupo Topázio tem a honra de convidar todos brumadenses e apreciadores de nossa cultura, para prestigiar o 9º Batizado de Capoeira e Show Folclórico, uma grande produção com a participação de capoeiristas de Salvador e varias cidades da Bahia, e a presença de um dos melhores capoeiristas do mundo Contra Mestre Rudson, o evento acontecerá nos dias 30/11 com uma Roda de capoeira na Pç, Coronel Zeca Leite ás 19h00 e no domingo 1º de dezembro na AABB ás 9h00 com o Batizado de Capoeira e um grande espetáculo cultural Show Folclórico. O Grupo Topázio tem a satisfação de ter dirigido o show folclórico mais aplaudido da Bahia, realizado todas as noites, por mais de 25 anos no Restaurante Coliseu em Salvador. Com a experiência de 25 anos participando de shows folclóricos em apresentações realizadas em diversos países, o Grupo Topázio tem contribuído ao longo desses anos para a divulgação das manifestações culturais baianas dirigindo um show de qualidade superior. O Show é composto por 18 participantes, entre percussionistas, capoeiristas e dançarinos. No ano de 2008 através do Professor Maxuell e os Instrutores Boca e Edmundo o Balé Folclórico do Grupo Topázio, foi implantando na filial do Grupo em Brumado e vem cada vez mais conquistando destaque no cenário cultural de Brumado e região, você é nosso convidado venha prestigiar e apoiar nossa cultura.

Hacker americano faz arma letal com secador de cabelo

  • A TARDE
  • 26 Nov 2013
  • 07:21h

Evan Booth fez arma feira com secador, desodorante e baterias (Foto: Reprodução)

O desenvolvedor web Evan Booth, de Greensboro, Carolina do Norte, nos EUA, demonstrou em seu site Terminal Cornucopia que é possível montar uma arma letal com itens que podem ser comprados em qualquer lugar, inclusive num aeroporto. Booth se denomina "especialista em segurança". Ele fez uma arma que atira projéteis com coisas como secadores de cabelo, tubo de desodorante, fio dental, lata de alumínio e baterias de 9 volts. Booth estudou na East Tennessee State University e se formou em mídias digitais. Começou o projeto depois de os aeroportos começarem a introduzir scanners corporais. O desenvolvedor web faz palestras e conferências para hackers na América e no exterior.

 

Brumado: Moção de Repúdio à defensora pública geral da Bahia gera discussão no Legislativo

  • Daniel Simurro / Brumado Urgente
  • 25 Nov 2013
  • 21:09h

A moção gerou discussões entre as bancadas (Foto: Daniel Simurro / Brumado Urgente)

O descaso do Governo do Estado para com Brumado, com vários setores do município, que vem sendo mote de vários pronunciamentos mais efusivos por parte de políticos locais, veio novamente à tona na sessão desta segunda-feira (25) da Câmara de Vereadores de Brumado, já que uma moção de repúdio, de autoria do líder do prefeito, vereador José Carlos dos Reis (PDT), acabou sendo objeto de discussão entre as bancadas. Sob a justificativa de que os serviços são essências para as comunidades carentes e, desde o início do ano, as mesmas estão privadas deste benefício social, já que a Defensoria Pública Estadual de Brumado está há vários meses desativada, a moção de repúdio dividiu opiniões, já que considerou a defensora pública geral da Bahia como “persona non grata”. Subscrita pela bancada de situação, tendo a abstenção por parte da oposição, a moção foi aprovada e acabou estabelecendo um marco para a questão, já que foi avaliada como terminal, pois, segundo os vereadores situacionistas “o governo do estado está abandonando paulatinamente o município de Brumado, pois promete ampliação da barragem e não faz; promete unidade prisional e não traz; promete esgotamento sanitário e não executa a obra e, no caso da Defensoria, não tem feito nada para que o órgão seja reativado”. Na outra extremidade ficaram as alegações da bancada de oposição, que foram muito bem explanadas pelo vereador Zé Ribeiro que declarou que “para se chegar a um ponto como esse deveriam ser esgotadas todas as possibilidades e isso não aconteceu, então é ainda prematuro tomar uma atitude radical como essa, que no fundo não traz solução alguma” e ainda citou que “pelo visto a análise da bancada de situação é que o caso é terminal, que não tem mais solução, quando não é bem assim, já que acreditamos que ainda existe uma saída para esse impasse”.

 

O coração da Amazônia está em risco

  • Informações do Avaaz
  • 25 Nov 2013
  • 19:15h

Foto Ilustrativa

Em poucos dias, as autoridades paraenses podem dar a uma empresa mineradora do Canadá autorização para construir uma enorme mina de ouro a céu aberto, que poderá injetar toneladas de produtos químicos venenosos no coração da Amazônia. Mas nós podemos impedir esta corrida colonialista do ouro em pleno século XXI. Para extrair os metais preciosos, córregos tóxicos de cianeto, arsênio e montanhas de resíduos químicos serão despejados no rio Xingu, podendo contaminá-lo totalmente. Esta megamina é tão arriscada que o próprio Ministério Público Federal está exigindo que as autoridades neguem a concessão da licença. Mas mesmo assim as autoridades no Pará pressionam pela aprovação, esperando que consigam fazê-lo antes que o país inteiro descubra. Vamos soar o alarme agora e impedir este projeto venenoso. A não ser que façamos algo, a autorização pode ser concedida em questão de dias. A empresa canadense terá um enorme lucro às custas dos nossos rios e da destruição de comunidades indígenas que estão nos arredores. Vamos nos unir e mostrar ao presidente do Ibama, Volney Zanardi Júnior, que o país demanda sua intervenção para impedir que seja dada uma injeção letal na Amazônia.

Planejada para ser construída a apenas alguns quilômetros de Belo Monte, a Belo Sun Mining Corporation, empresa baseada em Toronto, afirma que sua nova mina vai ajudar as comunidades indígenas, impulsionando a economia local, e ajudando a financiar novas escolas e hospitais. Mas o relatório de impacto inicial da mina estava repleto de irregularidades, e foi produzido sem qualquer consulta aos povos Arara e Juruna que vivem nas proximidades – uma violação direta da Constituição brasileira. A hidrelétrica de Belo Monte já está causando grandes transtornos na região – grupos indígenas ocuparam várias vezes o canteiro de obras e dezenas de processos questionam sua legalidade. Esta nova mina de ouro, obviamente, criará alguns postos de trabalho, mas o custo é muito alto, prejudicando ainda mais o delicado ecossistema da região, e canalizando a maioria das centenas de milhões em lucros para os bolsos de um consórcio de empresas privadas. Numa época pré-campanha eleitoral, com Dilma provavelmente enfrentando a oposição de candidatos verdes, como Marina Silva, essa mina poderia ser uma pedra no sapato – uma pedra da qual ela vai preferir se livrar, se pressionada. O processo de concessão está acontecendo silenciosamente, e ainda não se tornou uma prioridade política. Nós podemos mudar isso com um enorme apelo para impedir esta devastadora conquista do ouro no coração da Amazônia. Assine agora:   http://www.avaaz.org/po/uma_mina_de_ouro_na_amazonia_full/?bkGelgb&v=31541 

CONTINUE LENDO