Ministério reconhece emergência em 8 cidades da Bahia por conta da seca

  • 19 Set 2016
  • 14:51h

(Foto: Reprodução)

O Ministério da Integração Nacional, por meio da Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil, reconheceu situação de emergência por conta da seca e da estiagem em oito municípios baianos. As portarias foram publicadas no Diário Oficial da União nesta segunda-feira (19). Os municípios que tiveram a situação decretada por conta da estiagem foram: BaianópolisBarro AltoCaémItatimTanhaçu, Luís Eduardo Magalhães, Muquém de São Francisco e Bom Jesus da Lapa. O G1 tentou entrar em contato por telefone com as prefeituras de sete cidades afetadas, mas não conseguiu localizar os representantes na manhã desta segunda. Em Luís Eduardo Magalhães, a assessoria de comunicação da prefeitura informou que a estiagem já atinge as quatro últimas safras de produção agrícola na cidade e que a situação de emergência já havia sido decretada pelo município.De acordo com a Superintendência de Proteção e Defesa Civil do Estado (Sudec), 93 cidades baianas estavam em situação de emergência reconhecida pelo governo do estado por conta da seca até o dia 14 de setembro, com 1.477.599 de habitantes afetados pelo problema. Ainda segundo a Sudec, 84 municípios tiverama situação reconhecida pelo governo federal.