Vacinas serão abrigadas na sede do Graer para distribuição em toda a Bahia

  • Redação
  • 18 Jan 2021
  • 07:55h

Municípios a mais de 300km de distância de Salvador receberão as doses por meio das aeronaves; demais deverão ser entregues por via terrestre | Foto: Alberto Maraux/ SSP-BA

A sede do Grupamento Aéreo da Polícia Militar, no aeroporto de Salvador, abrigará as vacinas que serão distribuídas em todo a Bahia. O local foi escolhido devido à facilidade de distribuição. Câmaras frigoríficas já estão instaladas na unidade. De acordo com informações da Secretaria de Saúde do Estado (Sesab), municípios distantes mais de 300 quilômetros da capital baiana receberão as doses por meio das aeronaves. As demais deverão ser entregues por via terrestre, com escolta da Polícia Militar. As primeiras doses das vacinas contra o coronavírus deverão chegar a partir desta segunda-feira (18). O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, informou neste domingo (17) que planeja iniciar a distribuição para os estados às 7h desta segunda. A campanha de imunização deverá começar na quarta-feira (20), às 10h. As doses a chegar no estado devem ser da CoronaVac, produzidas pelo Instituto Butantan e desenvolvidas pela Sinovac, que já estão no Brasil. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou neste domingo o uso emergencial da CoronaVac e da vacina de Oxford/AstraZeneca, produzida pela Fundação Oswaldo Cruz e adquiridas em doses já prontas de laboratório indiano. Ainda não há previsão para essas doses chegarem no Brasil, já que depende de o governo indiano liberar os imunizantes para importação. O governo tem à disposição cerca de 6 milhões de doses da CoronaVac, requisitadas ao Butantan, de quem contratou 100 milhões de doses com exclusividade.


Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.