Após críticas, WhatsApp adia mudanças nos termos de privacidade

  • Redação
  • 17 Jan 2021
  • 09:53h

A atualização, prevista para valer a partir do dia 8 de fevereiro tinha em seus pontos a obrigatoriedade do compartilhamento de dados dos usuários com o Facebook | Foto: Reprodução

O WhatsApp voltou atrás nas mudanças em sua política de privacidade após diversas críticas dos usuários nas redes sociais. Em anúncio feito na internet, a plataforma anunciou na última sexta-feira (15) que as mudanças só serão feitas daqui a três meses, no dia 15 de maio. A atualização, prevista para valer a partir do dia 8 de fevereiro tinha em seus pontos a obrigatoriedade do compartilhamento de dados dos usuários com o Facebook. A possível mudança gerou uma migração para os aplicativos rivais do WhatsApp, o Signal e o Telegram, que são conhecidos pelo maior cuidado com a privacidade dos usuários. Na nota, o WhatsApp promete esclarecer aos usuários como irá funcionar a plataforma e a privacidade dos dados.


Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.