Lídice defende participação de 50% do governo federal no Fundeb

  • 07 Jul 2020
  • 15:28h

(Foto: Brumado Urgente Conteúdo)

A deputada federal e prefeiturável Lídice da Mata (PSB) defendeu a proposta de participação do governo federal em 50% do bolo que financia o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb). O fundo, com participação da União de 11%, tem validade até este ano. Na PEC que tramita no Congresso para ampliar a sua vigência, relatada pela deputada professora Dorinha (DEM/TO), há a previsão de uma maior presença de participação do Tesouro Nacional em percentuais que variam de 20%, 40% ou 50%. “A minha proposta era de 50% de participação do governo. Essa proposta se unificou, Câmara com Senado em um único texto, que é o texto de relatório da professora Dorinha, e que há um acordo, inclusive com Rodrigo Maia, para gente conseguir tentar votar, embora seja contra o governo e o Centrão”, afirmou Lídice. Maia anunciou que pretende votar a proposta na próxima semana. No evento do PSB baiano, do qual é presidente, a deputada federal defendeu que a Educação deve ser tratada como principal e prioritária política pública para o Brasil, a Bahia e Salvador. O evento foi mediado pela deputada estadual e presidente da Comissão de Educação da ALBA, Fabiola Mansur. Também estiveram presentes o presidente da Executiva Municipal da legenda em Salvador, vereador Silvio Humberto, o ex-deputado federal Bebeto Galvão, o vereador Zé Trindade, o organizador do evento e presidente da Fundação Pedro Calmon (FPC), Zulu Araújo, entre outros.


Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.