Anagé inicia 1º dia de lockdown; município tem 22 casos confirmados de Covid-19 e 01 morte

  • Redação
  • 06 Jul 2020
  • 15:22h

(Foto: Brumado Urgente Conteúdo)

Começou nesta segunda-feira (06) o primeiro dia de lockdown em Anagé, distante de Vitória da Conquista 50 quilômetros. No último final de semana a Secretaria de Saúde do município identificou mais onze pacientes da COVID-19 por meio da realização do teste rápido, totalizando 22 casos no município, sendo que desses 01 foi a óbito. Com a confirmação dos novos pacientes, a Prefeitura Municipal de Anagé publicou o Decreto nº 39, que determina a suspensão total das atividades em Anagé. Todos os novos pacientes confirmados apresentam faixa etária entre cinco e 55 anos, sendo oito homens e três mulheres e estão em constante monitoramento pela equipe de saúde. A maioria dos casos é da zona rural do município, sendo apenas três confirmados da sede. Com o novo decreto, que entrou em vigor nesta segunda-feira (06), a gestão definiu a suspensão de todas as atividades econômicas não essenciais, formal e informal, incluindo ambulantes e feirantes, como medida de enfrentamento ao Coronavírus para conter a transmissão. Os serviços essenciais como as farmácias, serviços de saúde de urgência e emergência, postos de combustíveis, funerárias, distribuidoras de gás e água em sistema de delivery, órgãos públicos encarregados da realização de atividades essenciais e provedores de internet, poderão funcionar em horário normal. Os supermercados, mercados, açougues, peixarias, hortifrutigranjeiros, quitandas, restaurantes e lanchonetes funcionarão apenas em sistema de delivery Todos esses serviços listados como essenciais, poderão funcionar cumprindo as regras sanitárias de uso de máscara, higienização e não aglomeraçã A Prefeitura de Anagé mantém o pedido para que a população fique em casa, evitando aglomerações e respeitando as medidas anunciadas pelos decretos municipais, para que essa pandemia seja vencida. A medida de lockdown deve seguir até o dia 13 de julho.

 

Covid-19
Região
Casos
Lockdown

Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.