Coronavírus: governo determina suspensão das visitas nos presídios na Bahia

  • Redação
  • 18 Mar 2020
  • 07:56h

(Foto: Reprodução)

 governo da Bahia determinou que, por 15 dias, a partir da próxima quinta-feira (19), as portas dos presídios baianos estão fechadas para visitantes. A decisão foi determinada, nesta terça-feira (17), pelo governador Rui Costa (PT), como medida para conter o novo coronavírus.

De acordo com o sindicato dos Servidores Penitenciários do Estado da Bahia (Sinspeb), durante reunião entre a Secretaria de Administração Penitenciária (Seap), o governador, e o Secretário da Seap, Nestor Duarte, foi esclarecido que as penitenciárias vão contar com materiais de prevenção como máscaras, luvas, álcool em gel e sabonete líquido para proteção dos servidores, que estarão disponíveis em breve. A medida deliberou ainda que todos os servidores e trabalhadores serão testados diariamente nas unidades prisionais, com o objetivo de evitar que os servidores assumam o plantão apresentando algum sintoma. As medidas devem ser publicadas no Diário Oficial, desta quarta-feira(18). “Continuaremos atentos às medidas destinadas à proteção dos servidores para garantirmos segurança para todos!”,destaca o presidente Sinspeb, Reivon Pimentel.

Novo decreto
Em novo decreto de medidas, a ser publicado no Diário Oficial do Estado (DOE) desta quarta-feira (18), consta ainda a suspensão de atividades por 30 dias no município de Prado. O primeiro decreto, em vigor desde terça-feira (17), contemplava os outros três municípios com casos confirmados de coronavírus (Salvador, Feira de Santana e Porto Seguro). Além da inclusão de Prado, o novo decreto estabelece a suspensão das aulas em academias de dança e ginástica nessas quatro cidades


Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.