Brumado: Com forte cobrança popular, Polícia busca solucionar crime bárbaro que aconteceu hoje (10)

  • Daniel Simurro | Brumado Urgente
  • 10 Set 2014
  • 19:38h

O assassinato bárbaro de um aposentado ocorrido no final da manhã de hoje revoltou a população brumadense (Foto: Brumado Urgente)

A cobrança por parte da população por mais segurança no município atingiu seu clímax nesta quarta-feira (10), em decorrência de um dos crimes mais bárbaros dos últimos tempos, que aconteceu por volta do meio-dia no Bairro São Félix. Tendo as redes sociais como principal aliada, os brumadenses “vociferaram” a sua indignação colocando frases de impacto como “não suportamos mais sermos reféns de tanta violência”; “Brumado não merece uma situação como essa, queremos paz”; “Chega de tanta desigualdade social”, sendo que o mais contundente foi “enquanto houver essa marginalização do pobre, deixando faltar o básico (escola, saúde, lazer) a essas famílias, empurrando o povo carente para além da linha do trem; enquanto continuarem criando estereótipos depreciativos nos locais onde eles moram, a criminalidade não será reduzida”. O clima de revolta pela morte do aposentado Esmeraldo de Souza Meira, de 67 anos, vem representar a forte insatisfação com o déficit do setor de segurança pública, que, não vem tendo a atenção merecida por parte do Governo do Estado, segundo a população, que clama por Justiça e por mais policiais nas ruas. Segundo informações colhidas pelo Brumado Urgente, um dos suspeitos de ter participado do latrocínio já se encontra detido e, o segundo, que ainda está foragido, deve ser detido nas próximas horas, já que a Polícia foi até onde ele reside e o seu genitor garantiu apresentá-lo à Polícia”.  


Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.