Brumado Urgente

Brumado Urgente


Brumado: Morte de farmacêutica causa grande comoção; causas ainda são desconhecidas

Segunda | 05.05.2014 | 09h17
Autor: Daniel Simurro / Brumado Urgente


A farmacêutica era muito querida e admirada e o anúncio do seu falecimento trouxe muita tristeza (Foto: Reprodução Facebook)

Brumado amanheceu muito triste na manhã desta segunda-feira (05) com o anúncio da morte da farmacêutica Liziane Alves, que estava internada no Hospital de Base de Vitória da Conquista. Ela veio a falecer no início da madrugada e já nas primeiras horas da manhã o lamento e a dor de amigos e parentes se espalharam pelas redes sociais. Segundo informações colhidas pelo Brumado Urgente a farmacêutica apresentou sintomas na quarta-feira e foi logo encaminhada para Vitória da Conquista. O quadro evoluiu muito rápido e acabou culminando no óbito, o que causou perplexidade, já que ela era jovem e nunca tinha apresentado quaisquer indícios de alguma enfermidade mais grave. A causa da morte ainda não pode ser apontada, mas, segundo informações obtidas pela nossa equipe existem três possibilidades de que pode ter sido por leucemia, que é maior probabilidade; por uma espécie avançada de anemia ou também por dengue hemorrágica, sendo que esta última é a mais remota, pois o quadro clínico da paciente não reuniu elementos que são marcantes da doença, tanto que ela teve várias paradas cardíacas. Somente o laudo oficial do Hospital de Base poderá dirimir as dúvidas. O Brumado Urgente externa o seu pesar pela morte da farmacêutica e se solidariza com amigos e familiares nesta hora de dor e de perda. 

Comentários

05.05.2014
Eliana Costa
Ainda não consigo acreditar que Liziane faleceu. Uma menina cheia de vida e um futuro brilhante. saudades sua, menina!!!!