Enquanto prefeito de Brumado lembra de Napoleão, gestores da região vão decretar ‘lockdown’ devido à gravidade da situação

  • Brumado Urgente
  • 25 Fev 2021
  • 13:03h

O prefeito de Guanambi, Nilo Coelho, decretará 'lockdown' em Guanambi | Foto: Brumado Urgente Conteúdo

Em entrevista ao site Achei Brumado, o prefeito Eduardo Vasconcelos, segundo o veículo midiático, se esquivou de responder sobre as novas medidas que deveriam ser adotadas diante do crescimento e da gravidade da pandemia no município, usando uma alegoria das histórias de Napoleão, um dos maiores generais da história, conhecido pela sua crueldade e pelas suas glutonarias exacerbadas. Vasconcelos quis responder à pergunta com uma xarada, onde Napoleão ao voltar de uma campanha de guerra exigia que o sino da igreja da cidade tocasse, só que, desta vez não tocou, o que fez com que a sentença de morte fosse imposta sobre o capelão, que, em seu último desejo pediu para explicar que o campanário da igreja não tinha sino. Uma das leituras possíveis dessa história napoleônica é que ele se colocou no lugar do capelão, ou seja, estaria sendo acusado injustamente por uma coisa que não tem culpa. Juízo de valores à parte, enquanto ele relembra Napoleão e os seus feitos notáveis, vários prefeitos da região, a exemplo do experiente Nilo Coelho de Guanambi, irão decretar “lockdown”, devido à gravidade do cenário, onde o número de óbitos vem aumentando de forma preocupante. A leitura que está sendo feita é que o chefe do executivo brumadense estaria adotando uma postura negacionista, dizendo que o quadro atual está dentro da normalidade, o que é veemente contrariado pelos números da doença no município. Segundo assessores e secretários próximos ao prefeito, isso não tem a mínima procedência, pois ele está muito preocupado e, caso seja mesmo necessário o lockdown, a medida será adotada, mas, até o momento isso não foi decidido. Uma reunião nesse sentido entre a cúpula administrativa deverá ocorrer para bater o martelo, só que, enquanto está se fechando essa matéria, chega a comunicação de que o governador Rui Costa decretou “lockdown” a partir desta sexta-feira até domingo (28), só que isso não impediria um alongamento da medida para a próxima semana, como está ocorrerá em Guanambi (veja aqui).

Número de presos infectados por coronavírus sobe e carceragem suspende visitas

  • Redação
  • 25 Fev 2021
  • 10:42h

Em fevereiro, 51 detentos foram contaminados, o que levou a direção a isolar os presos em uma ala específica | Foto: Reprodução/ blog da Resenha Geral

Devido aos casos de contaminação por coronavírus, as visitas no Conjunto Penal da cidade de Jequié, na região do Médio Rio de Contas, no Sudoeste da Bahia, estão suspensas. De acordo com o diretor da carceragem, major João Henrique, só em fevereiro, 51 detentos foram contaminados, o que levou a direção a isolar os presos em uma ala específica. As informações são do Blog do Marcos Frahm. ”Todos já estão sendo medicados. Nosso corpo de médicos e enfermeiros está trabalhando de domingo a domingo, em regime de plantão, para tratar esses internos que estão infectados. Todo o protocolo de tratamento vem sendo atendido e a Secretaria Penitenciária permite que a gente não sinta falta de material e medicamento”, disse o major. Ainda segundo a publicação, a doença se agravou em um dos detentos, que foi encaminhado para o Hospital Geral Prado Valadares, na cidade

Após lutar bravamente contra a Covid-19, coordenador do Metanoia, Elielson Santos vem a óbito na manhã desta quinta-feira (25)

  • Brumado Urgente
  • 25 Fev 2021
  • 09:11h

Elielson estava em Brumado há 5 anos e vinha realizando um grande trabalho na coordenação do Metanoia | Foto: Whatsapp)

A segunda onda da pandemia em Brumado, com a possível presença das variantes que são bem mais agressivas, está sendo muito pior do que se imaginava, com vários óbitos sendo registrados. Na manhã desta quinta-feira (25), a nova vítima fatal foi o paulista Elielson Santos, 42 anos, o qual chegou à cidade há cerca de 05 anos para coordenar as ações do Centro de Recuperação Metanoia, que fica localizado no Povoado do Espinheiro. Logo após ser diagnosticado com o novo coronavírus, Elielson deu entrada no Centro de Atendimento à Covid-19 e, por fim, pela falta de vagas nas UTIs da região, acabou sendo transferido para uma sala vermelha que foi instalada no HMPMN. Ele vinha lutando bravamente contra a doença, mas, infelizmente, acabou não resistindo. Com um trabalho primoroso, levando inúmeras vidas a se recuperarem da dependência química, Elielson era muito querido e respeitado e a sua morte causou muita comoção, especialmente na comunidade evangélica. Ficam aqui os sentimentos do Brumado Urgente aos parentes e amigos nesse momento de profunda dor.  

Brumado: com demanda crescente, chegam novos caminhões trazendo oxigênio para o Centro de Atendimento à Covid-19

  • Brumado Urgente
  • 25 Fev 2021
  • 08:05h

Um novo caminhão trouxe uma nova carga de oxigênio nesta quarta-feira (24) | Foto: Reprodução Facebook

Como foi atestado pela SESAU, Brumado vive o pior momento da pandemia, com um aumento muito significativo no número de novos casos, como também de algumas reinfecções e, o que é pior, praticamente com a certeza da presença de algumas variantes como a de Manaus. Com isso o número de internações no Centro de Atendimento à Covid-19, localizado no Bairro da Malhada Branca, aumentou de forma considerável, chegando ao limite. Então, devido a isso, os estoques de oxigênio foram ampliados, tanto que, somente essa semana, dois caminhões trouxeram novas cargas para garantir a vida dos pacientes. Com o estrangulamento iminente, visando garantir o atendimento de possíveis novos casos, o secretário de saúde, Claudio Feres, já sinalizou que será montada uma nova unidade no HMPMN, onde fica a capela. O município que ainda não efetuou alterações na rotina comercial da cidade, contando apenas com o toque de recolher, caso não haja queda na curva dos contágios, irá ter que adotar medidas restritivas mais severas.

Brasil completa um ano da confirmação do 1º caso de coronavírus na contramão do mundo

  • Redação
  • 25 Fev 2021
  • 06:58h

Enquanto cai o número de mortes diárias no mundo decorrentes da doença, país enfrenta novo e mais intenso pico | Foto: Altemar Alcantara/Fotos Públicas

Enquanto diversos países pelo mundo todo têm avançado no combate ao novo coronavírus, crescendo o número de vacinados contra a Covid-19, o Brasil vive um verdadeiro caos um ano depois da confirmação oficial do primeiro caso da doença no país. Na quarta-feira (24), o Brasil completou 35 dias seguidos com média móvel de mortes acima de 1.000. No mesmo dia, o país superou a marca de 250 mil vidas ceifadas pela Covid-19 e registrou a maior média móvel de óbitos de toda a pandemia, 1.127. O registro de mortes nas duas últimas semanas no Brasil teve crescimento acima de 2%, o que representa uma situação de estabilidade, porém, em patamar elevado — cenário semelhante ao que persistiu no meio do ano passado. A situação tem estado cada vez mais grave em algumas regiões, entre elas a Bahia, cujo governador já sinalizou a possibilidade de lockdown devido à saturação nos leitos para pacientes infectados. Muitas cidades do estado já estão com 100% de ocupação.

Diretores do HCC fazem apelo à população da Região Sudoeste

  • Redação
  • 25 Fev 2021
  • 06:46h

(Foto: Reprodução)

Diante de um cenário mundial onde a pandemia continua a assolar países e fazer vítimas fatais, a Bahia enfrenta o coronavirus da forma como pode, e com as armas que dispõe.

Vitória da Conquista, considerada a capital do sudoeste baiano, é um dos polos que recebe pacientes com coronavirus de vários locais do Estado. Uma população atendida que pode chegar a 2 milhões de pessoas.

Desde o início da pandemia a cidade vem recebendo pacientes e tratando-os nas vagas de UTI e leitos clínicos que foram especialmente preparados para atendimento exclusivo a pacientes Covid.

Dos leitos destinados à pandemia, 20 de UTI e 20 clínicos estão no HCC, hospital que viu nós últimos dias a lotação das vagas Covid chegar ao máximo.

Diante dessa realidade, os diretores do hospital estão se esforçando para conscientizar as pessoas de que, ao chegar a lotação máxima, todas as cidades da região, atendidas em Conquista, sofrem as consequências.

Segundo Felipe Nery, diretor administrativo do HCC: “Desde que a pandemia começou, esse é o pior período que estamos passando aqui no hospital. Nunca tivemos um percentual tão grande de leitos de UTI ocupados por tanto tempo.”

Há alguns dias não só o HCC, mas todos os hospitais de Conquista, que atendem a Covid, estão com lotação acima de 85%. Alguns permanecendo com lotação de 100% por dias seguidos.

Para Felipe, falta à população o entendimento de que não há mais vagas nos hospitais, e corremos o risco de ter uma superlotação, situação em que as pessoas acabam morrendo na fila, aguardando vaga na UTI.

“Falo aqui em nome de toda equipe do HCC. O diretor médico, o diretor do atendimento Covid, os sócios e toda equipe que está na linha de frente. Todos hoje pedem a mesma coisa aos moradores de Conquista e das cidades do sudoeste: A população precisa entender que a pandemia ainda não acabou, na verdade ela está agora em seu pior momento. Se você tem amor a sua família e a sua vida deve permanecer em casa. Deixe a confraternização para depois. Deixe aquela saída para desestressar para outro dia. Deixe pra visitar um amigo ou um familiar em outra ocasião. Você terá muito tempo para fazer isso no futuro. Mas só terá esse tempo se estiver vivo. E para estar vivo, precisa se proteger agora.” finalizou Nery.

Covid-19: Guanambi anuncia lockdown de dez dias para tentar frear avanço do vírus

  • Vitor Castro
  • 25 Fev 2021
  • 06:40h

(Foto: Agência Sertão)

A gestão municipal da cidade de Guanambi, no Sertão Produtivo, anunciou o fechamento total das atividades a partir da próxima segunda-feira (1º). A  medida visa frear o avanço das contaminações pelo novo coronavírus na cidade. O lockdown terá validade de dez dias e pode ser prorrogado caso não haja recuo da curva de contágio.  De acordo com a secretária de Saúde Roberta Mota, que fez o anúncio na noite desta quarta-feira (24), a decisão  será publicada no próximo diário oficial. "Não estamos fora de um contexto, quem tem acompanhado as informações da Bahia e do Brasil percebe que este não é o cenário apenas de Guanambi. Este é um cenário que precede o colapso do sistema de saúde", disse.  Ainda de acordo com a gestora, nas últimas semanas a cidade tem tido o que ela chamou de "uma piora expressiva no aumento do número de casos", principalmente nos últimos dez dias. Na cidade, 3.595 pessoas testaram positivo para a doença desde o início da pandemia. Deste total, 3.432 são considerados curados e 23 óbitos foram registrados.  A mudança no perfil da doença, que passou a acometer os mais jovens com maior gravidade, também colaborou para a tomada de decisão. "Nosso último decreto trouxe o fechamento parcial dos nossos estabelecimentos e, desde a outra semana já falávamos na possibilidade de lockdow. Essa decisão exige muito da gestão pois impacta em vários setores como economia, mobilidade, comércio. A população sofre com isso, todos nós sofremos,  mas o lockdown acaba se tornando necessário quando as medidas que estão sendo tomadas são insuficientes para controlar a disseminação do vírus", pontuou. 

 

Prefeitura de Itapetinga confirma caso de variante do Reino Unido

  • Redação
  • 24 Fev 2021
  • 18:41h

Cidade do sudoeste registrou 3.356 infecções pelo novo coronavírus; em nota prefeitura fala em intensificar medidas para combate pandemia | Foto: Reprodução site da prefeitura

A prefeitura de Itapetinga, no sudoeste baiano, confirmou em nota a circulação na cidade da variante do Reino Unido do novo coronavírus. O paciente acometido da Covid-19 pela nova cepa é um jovem do sexo masculino. O diagnóstico que identificou o SARS-CoV-2 da linhagem B.1.1.7 foi atestado pelo Centro de Informações Estratégicas e Resposta em Vigilância em Saúde (Cievs). Até o momento, o município registrou 3.356 infectados pelo novo coronavírus. Na vacinação, a cidade aplicou imunizante para 2.240 pessoas.  Em nota, a Secretaria Municipal de Saúde alertou a população para intensificar a prevenção por meio de higiene pessoal, uso de máscaras e distanciamento social. A Secretaria Municipal de Saúde, através da Vigilância Epidemiológica alerta a população para intensificar as medidas de higiene pessoal, uso de máscaras e distanciamento social.”Todos os esforços estão sendo intensificados para ampliar as medidas sanitárias e testagens no objetivo incansável de conter a transmissibilidade do vírus da Covid-19.Procure o serviço público de saúde ou privado, caso apresente sintomas como: febre, dor de garganta, diarréia, tosse e falta de ar”.

Sinapro-Bahia promove campanha de valorização das agências de publicidade da Bahia

  • Redação
  • 24 Fev 2021
  • 17:37h

(Divulgação)

No mês em que se comemora o Dia do Publicitário, o Sindicato das Agências de Propaganda do Estado da Bahia (Sinapro-Bahia) vai promover, em todo a Bahia, uma campanha de valorização das agências de propaganda associadas à entidade, principalmente no interior do Estado. Com o mote “Para cada situação existe um especialista”, a campanha foi criada e veiculada, originalmente, em 2013 e tem o objetivo de estimular as empresas nas suas estratégias de comunicação e marketing a buscarem agências de publicidade associadas ao Sinapro-Bahia, que podem oferecer serviços com qualidade, eficiência, credibilidade, que atendam às necessidades dos clientes e possibilitam melhor entrega de resultados. A campanha foi criada pela Agência E10, de Itabuna, e produzida pela agência Artecapital, de Feira de Santana. As peças brincam sobre a adequação das profissões com ilustrações divertidas. O spot e filme para TV têm a participação do publicitário e ator Bertrand Duarte, que foi presidente do Sinapro-Bahia entre 2003 a 2006.  A campanha será veiculada em toda a Bahia, através das Delegacias Regionais do Sindicato, nas cidades de Santo Antônio de Jesus e Feira de Santana (Regional Recôncavo). Barreiras (Regional Oeste); Vitória da Conquista (Sudoeste); Itabuna, Ilhéus e Eunápolis (Sul/Extremo Sul). Serão mídias em jornais, TVs, rádios, outdoor, banner de internet, além das redes sociais. Para Geo Filho, Delegado Regional Sudoeste do Sinapro-Bahia, “Essa é uma campanha atemporal e que se aplica muito bem ao momento atual. Devemos reforçar e valorizar o mercado publicitário baiano, sobretudo no interior do estado. Temos muitas agências e profissionais competentes preparados e empenhados em fazer excelentes trabalhos para as empresas. E essas Agências e Profissionais estão no Sindicato“

Primeira vacinada do Brasil, enfermeira revela que sofreu ataques racistas nas redes

  • 24 Fev 2021
  • 16:35h

Foto: Reprodução / Youtube

A enfermeira Mônica Calazans, primeira pessoa vacinada no Brasil, revelou ter sofrido ataques racistas nas redes sociais. Em reportagem veiculada nesta terça-feira (23), no Profissão Repórter, da TV Globo, a profissional de saúde teve sua rotina acompanhada pela repórter Danielle Zampollo. 

"Uma pessoa disse que se os macacos continuarem a ser vacinados, não vai sobrar vacina para os humanos", relatou Mônica à reportagem. 

Ela já recebeu a segunda dose da vacina contra o coronavírus, e em coletiva de imprensa se defendeu também daqueles que disseram que ela estava "atuando". 

"Quero deixar claro que eu não sou atriz. Eu sou enfermeira. Me falaram, mandaram mensagem, dizendo que eu tava atuando. No momento, com tantas mortes, não existe atuação teatral. É uma realidade. Foram mais de 200 mil mortes. Não dá para atuar numa situação dessa", afirmou.

Estudo: perda de olfato e paladar pode durar até cinco meses após Covid-19

  • Bahia Notícias
  • 24 Fev 2021
  • 15:31h

Foto: Divulgação

Pesquisadores do Canadá descobriram que a perda de olfato e paladar em pacientes com Covid-19 pode durar até cinco meses após a infecção. Os dados preliminares foram divulgados nesta terça-feira (23). O trabalho completo será apresentado na reunião Anual da Academia Americana de Neurologia, em abril. As informações são do Correio Braziliense.

“Embora a covid-19 seja um problema de saúde novo, muitas pesquisas já mostraram que a maioria das pessoas infectadas perde o olfato e o paladar nos estágios iniciais da doença”, explica Johannes Frasnelli, pesquisador da Universidade de Quebec e um dos autores do estudo científico, por meio de comunicado. 

No estudo, foram analisados 813 profissionais de saúde diagnosticados com Covid-19 confirmado pelo exame PCR. Os participantes tiveram de preencher questionário online e realizar um teste caseiro para analisar o desempenho do paladar e do olfato durante cinco meses. “Todos os analisados classificaram esses dois sentidos usando uma escala de 0 a 10, sendo que zero significava nenhum gosto ou cheiro e 10, fortes percepções”, detalham os autores do artigo.

Ao todo, 580 pessoas - que representam 71% do total - perderam o olfato no estágio inicial da doença. Desses, 297 (51%) não recuperaram o sentido após cinco meses. A "perda persistente" do olfato ocorreu em 134 (17%) pacientes.

Além disso, 527 participantes (64%) relataram perda de paladar no início da infecção. Cinco meses depois, 200 voluntários (38%) revelaram ainda não ter recuperado o sentido, enquanto 73 (9%) tiveram perda persistente.

“É pelas vias respiratórias que o patógeno consegue ter acesso ao nosso corpo, e isso faz com que ele se instale, primeiro, nas vias superiores, atingindo principalmente o bulbo olfatório. Essa ação inicial já provoca danos na região, o que atinge o olfato. A ausência do paladar também ocorre porque esses dois sentidos usam células sensoriais, e todas elas funcionam de uma forma interligada”, explica Luciano Lourenço, médico clínico geral e chefe da Emergência do Hospital Santa Lúcia, em Brasília.

O especialista brasileiro alerta que há estruturas cerebrais envolvidas no paladar e no olfato, o que levanta dúvidas sobre a possibilidade de outros efeitos do Sars-CoV-2 no sistema neural.

“Esse é um vírus muito inteligente, ele usa nossas células para atacar o nosso organismo, e isso faz com que tenha essa capacidade de gerar danos em outras áreas, além do sistema respiratório. A perda desses sentidos pode estar relacionada a alterações neurais provocadas pelo patógeno, mas ainda não temos certeza. Só vamos conseguir definir isso aos poucos, com mais pesquisas como essa, que vão nos ajudar a entender melhor qual o comportamento dessa enfermidade e suas consequências ao organismo”, analisa.

CONTINUE LENDO

Rui diz que lockdown será ‘única alternativa’ se número de mortes não diminuir

  • Alexandre Santos
  • 24 Fev 2021
  • 10:52h

(Foto: Reprodução)

O governador Rui Costa (PT) voltou a cogitar a hipótese de decretar um lockdown na Bahia caso o toque de recolher atualmente em vigor não cause impacto no avanço da pandemia, com redução de número de casos e mortes por Covid-19.

“Sim, poderá [haver] lockdown se a situação se agravar ainda mais. Essas medidas que adotamos [toque de recolher] são provisórias e visam reduzir o crescimento da doença. Se nós alcançarmos a redução, se tornam necessárias medidas mais rígidas como lockdown. Mas se, infelizmente, a doença continua crescendo não nos restará outra alternativa senão fechar absolutamente tudo”, disse o governador em entrevista à Record TV Itapoan na manhã desta quarta-feira (24).

Segundo o chefe do Executivo baiano, serão três os parâmetros a serem monitorados para a decretação de um possível lockdown – modelo mais rígido da quarentena, com bloqueio total de atividades econômicas.

“Demanda de pacientes das UPAs, dos hospitais; a taxa de ocupação de leitos e também o percentual de casos positivos em que estão sendo feitos os testes. Nós fazemos um volume de teste diário e cresceu muito a taxa de positividade. É um sinal ruim de que a doença está presente e se alastrando”, disse o governador.

Na noite de terça (23), durante o programa Papo Correria, Rui Costa já havia declarado não descartar implementar um futuro lockdown diante do agravamento da crise sanitária. Tanto o estado quanto a capital vivem o seu pior momento da pandemia, quando a ocupação de UTIs atinge o patamar e 80% e há esgotamento de vagas em parte dos hospitais públicos e privados.

Desde a última sexta (19), o recorde de ocupação nos leitos para pacientes graves com Covid-19 vem sendo batido diariamente.

Foi esse cenário que levou o governo estadual a ampliar o toque de recolher, em vigor desde o início da semana em 381 municípios, à exceção da região oeste. O decreto proíbe a circulação de pessoas e a abertura de estabelecimentos entre as 20h e as 5h. Em virtude d medida, o horário de funcionamento de shoppings, transporte público e funcionamento de alguns estabelecimentos também foi reduzido.

Apenas farmácias e serviços de saúde estão autorizados a funcionar no horário estabelecido. A medida é valida até o o dia 28 de fevereiro, mas poderá ser ampliada ou estendida.

Ao todo, a Bahia soma 11.320 mortes por coronavírus e 660.506 casos da doença.

Vilas-Boas evolui bem em tratamento contra Covid-19 após deixar UTI, diz boletim médico

  • Redação
  • 24 Fev 2021
  • 10:01h

(Foto: Divulgação)

O secretário de Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas, tem evoluído bem ao tratamento contra Covid-19. Após deixar a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e voltar a um leito clínico nesta terça-feira (24), o titular da Sesab evoluiu bem durante a noite, segundo boletim médico divulgado nesta quarta (25) pela pasta.  Internado no Hospital Aliança, em Salvador, Vilas-Boas não teve febre e apresentou “resposta satisfatória aos medicamentos”, conforme a equipe médica que acompanha o quadro de saúde dele. Apesar da melhora, o secretário segue dependente de oxigênio por catéter nasal e ainda não tem previsão de alta. Ele é acompanhado pelo pneumologista Sérgio Jezler e pelo infectologista Roberto Badaró.  O secetário testou positivo para o coronavírus no dia 16 e foi internado no dia 19. No dia 18, ele publicou nas redes sociais que o resultado de uma tomografia de tórax apontou que 25% dos pulmões tinham sido atingidos por múltiplas áreas de pneumonia.

Detran-BA é alvo de operação da Polícia Civil contra fraudes nesta quarta (24)

  • BN
  • 24 Fev 2021
  • 09:02h

Foto: Haeckel Dias/ PC

O Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran) é alvo de uma operação deflagrada pela Polícia Civil, na manhã desta quarta-feira (24). Os agentes da Coordenação de Combate à Corrupção e Lavagem de Dinheiro da corporação cumprem mandados de busca e apreensão em empresas privadas, em duas fundações de direito privado e no órgão estadual. Cerca de 70 policiais fazem parte da ação, batizada de Operação Mão Dupla, que é consequência de um inquérito dedicado a apurar fraudes entre o Detran, por meio da Escola Pública de Trânsito, e a uma fundação de direito privado de Salvador. De acordo com a investigação, ilegalidades no processo licitatório e na execução do contrato geraram um prejuízo de aproximadamente R$ 19 milhões aos cofres públicos. A apuração da Polícia Civil revelou a participação de ex-dirigentes do Detran-BA e de outros agentes públicos ligados ao órgão. Além disso, há indícios de lavagem de dinheiro.

Região: caminhão de cerveja tomba e carga é saqueada

  • Redação
  • 24 Fev 2021
  • 07:45h

Quem passou pelo local não resistiu e acabou saqueando a carga | Foto: Whatsapp

Um grave acidente foi registrado por volta das 16:30h, da tarde desta terça-feira (23), no Km 883, próximo a Veredinha; onde uma carreta de cerveja tombou. Uma equipe da Via Bahia esteve no local e encaminhou o motorista até o hospital da cidade de Cândido Sales. Seu estado de saúde não foi divulgado. A carga foi saqueada por pessoas que passaram pelo local