BUSCA PELA CATEGORIA "Saúde"

Em Itabuna, Rui entrega 13ª Policlínica Regional de Saúde

  • Redação
  • 20 Set 2019
  • 18:24h

(Foto: Divulgação)

A décima terceira Policlínica Regional de Saúde da Bahia foi inaugurada pelo governador Rui Costa, nesta sexta-feira (20), em Itabuna. A unidade de saúde, que contou com um investimento de R$ 25 milhões, entre obras e equipamentos, e já começa a funcionar na segunda (23), beneficia 750 mil moradores de 29 municípios da região. Também nesta sexta, Rui entregou 15 micro-ônibus, que farão o transporte dos pacientes para a policlínica, além de 12 ambulâncias. “Hoje, 268 cidades, mais da metade dos municípios baianos, já são atendidas por uma policlínica regional. A próxima inauguração será em Simões Filho, na região metropolitana de Salvador, e em seguida Senhor do Bonfim e logo depois Barreiras. Até novembro, nós chegaremos a 15 policlínicas entregues. É o maior investimento em saúde pública do Brasil, fortalecendo a atenção básica”, afirmou Rui. Ainda de acordo com Rui Costa, o Governo segue cumprindo o objetivo de regionalizar a saúde na Bahia. “Para isso, o Estado paga integralmente a implantação da policlínica, com obras, equipamentos e os micro-ônibus, e ainda participa com 40% dos custos operacionais mensais. Os outros 60% são divididos entre os municípios dos consórcios, de acordo com o tamanho de cada um”, detalhou.

Segundo o secretário da Saúde, Fábio Vilas Boas, com a Policlínica, a região cacaueira passa a ser autossuficiente em exames. “Esta é uma das maiores realizações da saúde pública na região cacaueira da Bahia. São mais de 15 especialidades médicas, todos os tipos de exames complementares, desde um simples eletrocardiograma até uma ressonância eletromagnética e uma tomografia computadorizada”. Ao todo, a policlínica conta com 78 profissionais, entre médicos, enfermeiros, psicólogo, farmacêutico, nutricionista, ouvidor, assessores técnicos, assistente social, técnicos em enfermagem, técnicos em radiologia e assistentes administrativos. As especialidades oferecidas são angiologia, cardiologia, endocrinologia, gastroenterologia, neurologia, ortopedia, oftalmologia, otorrinolaringologia, ginecologia/obstetrícia, mastologia e urologia, entre outras. Os municípios atendidos são Almadina, Arataca, Aurelino Leal, Barro Preto, Buerarema, Camacã, Canavieiras, Coaraci, Firmino Alves, Floresta Azul, Gongogi, Ibicaraí, Ibirapitanga, Ilhéus, Itabuna, Itacaré, Itaju do Colônia, Itajuípe, Itapé, Itapitanga, Itororó, Jussari, Mascote, Pau Brasil, Potiraguá, Santa Cruz da Vitória, Santa Luzia, São José da Vitória e Uma.

CONTINUE LENDO

Rui Costa inaugura 12ª policlínica regional de Saúde; a de Brumado ainda é um sonho

  • SECOM | BA
  • 12 Set 2019
  • 17:56h

Foto: Paula Fróes / GOV BA

Com um investimento de R$ 23 milhões, a 12ª policlínica regional de Saúde foi inaugurada nesta quinta-feira (12) pelo governador Rui Costa, em Jacobina. A unidade, que atenderá moradores de 17 municípios, começa a funcionar na próxima segunda-feira (16). No total, 67 profissionais trabalharão na policlínica, que oferecerá 21 especialidades, como angiologia, cardiologia, endocrinologia, gastrenterologia, neurologia, ortopedia, oftalmologia, otorrinolaringologia, ginecologia/obstetrícia, mastologia e urologia. O consórcio responsável pela administração da unidade é formado pelos municípios de Caém, Caldeirão Grande, Capim Grosso, Jacobina, Mairi, Miguel Calmon, Mirangaba, Ourolândia, Piritiba, Quixabeira, São José do Jacuípe, Saúde, Serrolândia, Umburanas, Várzea da Roça, Várzea Nova e Várzea do Poço. Além da policlínica, oito micro-ônibus e duas ambulâncias foram entregues à população pelo governador. Rui visitou ainda o Centro Territorial de Educação Profissional do Piemonte da Diamantina II (CETEP) e participou da inauguração da sede da Defensoria Pública no município.Enquanto isso Brumado, que é um referência na região sudoeste na área de saúde está ainda sonhando com a Policlínica de Saúde que continua no campo das promessas. 

Inovare: Conheça os perigos da Gengivite e Periodontite

  • Brumado Urgente Publicidade
  • 11 Set 2019
  • 08:17h

(Divulgação)

Gengivite

O termo gengivite refere-se à inflamação limitada aos tecidos moles que circundam o dente. A maioria dos casos ocorrem devido à falta de higiene bucal adequada, favorecendo o acúmulo de placa dental e cálculo (tártaro), porém, muitos outros fatores podem influenciar a vulnerabilidade da gengiva.

Os sinais clínicos da gengivite, geralmente, são: vermelhidão do tecido gengival, bem como alterações no seu contorno, sangramento a um estímulo e presença de cálculo ou placa bacteriana sem evidências radiográficas de perca óssea. 
Entretanto, se a gengivite não for tratada, ela pode evoluir para uma periodontite e causar danos permanentes aos dentes.

Periodontite

A periodontite refere-se a uma inflamação dos tecidos gengivais, que já não está limitada à gengiva, como na gengivite, mas também afeta os tecidos de suporte dental, como ligamento periodontal e do suporte ósseo.

A perda deste suporte faz com que os dentes fiquem “soltos”, sendo a principal causa de perda precoce de dentes em adultos. Fatores locais também podem predispor os pacientes a defeitos periodontais isolados; esses incluem forma e alinhamento do dente, presença e qualidade das restaurações, contatos
interdentais deficientes, formação de cálculo, cáries subgengivais, oclusão traumática e anatomia anormal do osso alveolar ou da gengiva. Além disso, fatores como predisposição genética, diabetes e tabagismo podem determinar a progressão e a gravidade do quadro.

Se suas gengivas estão inchadas, vermelhas, sangram com facilidade ou mostram outros sinais e sintomas de periodontite, consulte um dentista o quanto antes.

Quanto mais cedo você procurar ajuda, melhores as chances de reverter danos permanentes causados por tal doença.

 

Em meio ao Setembro Amarelo, OMS alerta que é possível prevenir o suicídio

  • Redação
  • 11 Set 2019
  • 07:23h

Organização defende que nações precisam se mobilizar para implementar ações eficazes e políticas públicas eficientes| Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil

A cada 40 segundo, uma pessoa tira a própria vida no mundo. Nesta terça-feira, 10 de setembro, Dia Mundial para Prevenção do Suicídio, a OMS (Organização Mundial da Saúde) alerta que é possível prevenir a ação e reafirma a importância de que países adotem estratégias de prevenção com eficácia comprovada. De acordo com o diretor-geral da OMS, para que seja possível evitar o suicídio, as nações precisam se mobilizar para implementar ações eficazes e políticas públicas eficientes. Segundo a Organização, apenas 38 países têm programas nacionais de saúde e políticas eficientes de prevenção ao suicídio.


Brasil – Para o Ministério da Saúde, para a prevenção, é fundamental estar atento a possíveis sinais de alerta. Entre esses sinais estão o aparecimento ou agravamento de problemas de conduta ou de manifestações verbais durante pelo menos duas semanas; preocupação com a própria morte ou falta de esperança; expressão de ideias ou de intenções suicidas. Caso a pessoa não atenda a telefonemas, passe a interagir menos nas redes sociais ou deixe de frequentar círculos de amigos e reuniões familiares, é importante ficar atento. Conversar com pessoas de confiança e procurar ajuda dos serviços de suporte são iniciativas fundamentais de prevenção. “Exposição ao agrotóxico, perda de emprego, crises políticas e econômicas, discriminação por orientação sexual e identidade de gênero, agressões psicológicas e/ou físicas, sofrimento no trabalho, diminuição ou ausência de autocuidado, conflitos familiares, perda de um ente querido e doenças crônicas, dolorosas e/ou incapacitantes podem ser fatores que vulnerabilizam, ainda que não possam ser considerados determinantes para o suicídio.”  Assim, tais fatores devem ser levados em conta se o indivíduo apresenta outros sinais de alerta”, acrescenta o ministério. Em caso de perigo, não se deve deixar a pessoa sozinha, nem permitir que tenha acesso a meios para provocar a própria morte (por exemplo, pesticidas, armas de fogo ou medicamentos). É importante estar em contato permanente para acompanhar como a pessoa está passando e o que está fazendo.


Mundo – Segundo o relatório Suicídio no Mundo – Estimativas Mundias de Saúde (Suicide in the world – Global Health Estimates, em inglês), o suicídio é um grave problema de saúde pública global. Está entre as vinte principais causas de morte em todo o mundo. Há mais mortes causadas por suicídio do que por malária, câncer de mama, guerra e homicídio. O suicídio atinge cerca de 800 mil pessoas todos os anos. A OMS considera a redução da mortalidade por suicídio prioritária como meta global. A meta foi incluída como indicador nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS). Para a Organização das Nações Unidas (ONU), as principais intervenções que demonstraram sucesso na redução de suicídios são: orientar a mídia sobre a cobertura responsável do tema; implementar programas entre os jovens para desenvolvimento de habilidades que lhes permitam lidar com o estresse da vida; identificação precoce, gerencia

Inovare participa da Campanha do Setembro Amarelo

  • Redação
  • 10 Set 2019
  • 15:41h

(Divulgação)

A depressão e o suicídio são uma relevante questão de saúde pública no Brasil e no mundo. O suicídio é a segunda causa de morte entre jovens de 15-29 anos no mundo. No Brasil, estima-se em média 11mil mortes por suicídio ao ano, e os números vêm aumentando. O CVV (Centro de Valorização da Vida) disponibiliza o número  de telefone 188 para apoio emocional àqueles que têm ideação suicida, visando a prevenção. A Inovare Saúde se solidariza com esta causa. Esteja atento, busque ajuda. (Fonte: Agenda estratégica de prevenção ao suicídio - Ministério da Saúde, 2019)

Prefeito de Brumado comemora liberação de renovação da frota do SAMU 192; ele agradece o apoio do deputado José Rocha

  • Redação
  • 05 Set 2019
  • 12:23h

O prefeito Eduardo Vasconcelos e deputado José Rocha ao lado do ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta (Foto: Divulgação)

O SAMU 192 é um dos serviços mais importantes na área de saúde pública, o qual vem salvando muitas vidas ao longo dos anos, mas, devido ao uso constante que causa o desgaste natural, as ambulâncias já estavam em fase de serem substituídas. Diante disso o prefeito Eduardo Vasconcelos, em recente viagem à Brasília, se encontrou com o deputado federal José Rocha e fez a solicitação de que era necessária renovação da frota do SAMU. Nesta quarta-feira (04), o chefe do executivo foi comunicado que foi autorizada a liberação por parte do Ministério da Saúde para a renovação da frota do SAMU de Brumado. O Termo de Doação foi assinado e, agora, o município está aguardando a liberação por parte do MS para que as ambulâncias sejam enviadas pela concessionária que fica em São Paulo. “É mais uma vitória obtida na área de saúde, pois a renovação da frota do SAMU 192 era uma necessidade. Agradeço mais uma vez o deputado José Rocha que nos deu esse apoio importante”, destacou o gestor.

Baianos que forem viajar para São Paulo devem se vacinar contra o Sarampo

  • Redação
  • 05 Set 2019
  • 07:41h

(Foto: Reprodução)

A Secretaria da Saúde do Estado (Sesab) fez, nesta terça-feira (3), um alerta para que todos os baianos com viagem marcada para o estado de São Paulo sejam vacinados contra o sarampo. A medida tem como foco aqueles viajantes que nunca foram imunizados ou que tenham esquema vacinal incompleto, principalmente crianças. O alerta é necessário em razão de o estado paulista concentrar 99% dos casos confirmados de sarampo no Brasil.

Vamos falar sobre suicídio?

  • Karoll Trindade
  • 05 Set 2019
  • 00:19h

Psicóloga Karoll Trindade

 

O número de suicídios vem crescendo cada vez mais no Brasil e no mundo. Você já parou para pensar nos motivos? E sobre o que deveríamos fazer para que esses números venham diminuir?

Para começo de conversa, devemos ter consciência que doenças psíquicas são reais e precisamos falar abertamente sobre isso. Na vida nos deparamos com situações que não idealizamos e com isso vem as frustrações que por muitas vezes ficam apenas conosco. Costumo dizer que somos como um copo que se enche de água até transbordar, nessa metáfora somos o copo e as consequências negativas da vida seria a água que transborda por causa do acúmulo.

Falar em suicídio ainda é difícil por ser um assunto causador de medo, pelo fato de muitos não saberem lidar com a situação. O suicídio está associado a transtornos mentais, como a depressão, ansiedade, transtorno bipolar, alcoolismo, uso e abuso de drogas, entre outros fatores como desilusões financeiras, emocionais e sociais.

E o que fazer diante de uma situação como essa? O primeiro ponto é a prevenção, onde as pessoas não devem temer em saber do assunto, mostrar empatia pelo próximo e passar confiança para quem necessita. O segundo ponto é observar os sinais, quebrar o velho tabu de que “é para chamar atenção” e pensar que existe vidas com esgotamento psíquico implorando por ajuda.

Ter um diálogo empático, com respeito e aberto com quem está em constante sofrimento psíquico, oferecer apoio e suporte emocional, falar a importância da ajuda profissional, pode fazer uma grande diferença para que não haja atitudes trágicas. Se a pessoa fala abertamente e de forma clara sobre o plano de cometer o ato é fundamental que a mesma não fique só.

Quem estiver presente diante de determinada situação, é fundamental que procure os familiares e algum serviço de saúde mental, e se necessário acionar o serviço de urgência e emergência (pronto socorro). É válido indicar o serviço oferecido pelo CVV (Centro de Valorização da Vida), disponível no www.cvv.org.br, ou pelo número 188 que trabalha com a prevenção do suicídio e promove o bem estar das pessoas, através de profissionais que mantém o sigilo total, 24h por dia.

O mês de setembro é reconhecido pela prevenção do suicídio, mas o que esperamos é que essa prevenção se estenda por todos os meses e dias do ano. Se conscientize, existem vidas pedindo socorro e você pode ajudar! Falar é a melhor solução!

 

Facebook: Psicóloga Karolline Trindade

Instagram: @psicologa.karolltrindade

Telefone: (77) 9 9828-9239

Email: [email protected]

Municípios vão receber recursos para equiparem salas de vacinação

  • Redação
  • 30 Ago 2019
  • 11:49h

Ministério da Saúde vai liberar R$ 44,2 milhões nos próximos meses | Foto: Reprodução

Os municípios, com até 100 mil habitantes, vão receber nos próximos meses R$ 44,2 milhões do Ministério da Saúde para que possam adquirir câmaras frias a fim de ampliar a estrutura de armazenamento de vacinas e imunobiológico. A liberação dos recursos foi acertada durante reunião da Comissão Intergestores Tripartite, realizada esta semana em Brasília. A medida tem por objetivo garantir a qualidade dos imunobiológicos ofertados à população e a execução da Política Nacional de Imunizações dentro do padrão de qualidade e segurança do Sistema Único de Saúde (SUS). “Entre as vantagens da câmara fria estão o controle real da temperatura e sua distribuição homogênea, o processamento dos dados que permite acompanhar qualquer alteração no equipamento e ainda a disponibilização de bateria, caso ocorra queda de energia. Com isso, é possível garantir a qualidade e a eficácia da vacina aplicada na população, além de evitar a perda desses insumos por conta das variações de temperatura”, disse o diretor do Departamento de Imunização e Doenças Transmissíveis, Julio Croda. De acordo com o ministério, além do critério do número de habitantes, o município precisa ter implantado o sistema de informação nominal do Programa Nacional de Imunizações e não dispor de uma câmara refrigerada. O dinheiro será liberado na modalidade fundo a fundo, em parcela única, pelo Fundo Nacional de Saúde aos Fundos de Saúde dos Estados, do Distrito Federal e/ou Municipais, por meio do Bloco de Investimento na Rede de Serviços Públicos de Saúde, no Grupo de Vigilância em Saúde. Todos os procedimentos e critérios para o repasse dos recursos financeiros serão divulgados em portaria que o ministério publicará em breve.

 

SESAU realiza capacitação qualificada de enfermagem visando o Setembro Verde

  • Ascom | PMB
  • 29 Ago 2019
  • 16:48h

O momento da ministração da capacitação (Foto: Ascom | PMB)

A captação de órgãos está se tornando uma realidade em Brumado, então, na busca da evolução deste procedimento de alta complexidade, o município, por meio da SESAU – Secretaria Municipal de Saúde, está realizando uma capacitação qualidade do seu quadro de enfermeiros. Neste sentido esteve em Brumado um dos maiores especialistas dessa área no estado, o Dr Sandro Bahia, que fez questão de enaltecer mais essa ação proativa da administração municipal, a qual, tem também como objetivo se integrar à campanha Setembro Verde.

Governo da Bahia autoriza implantação do Hospital do Câncer em Caetité

  • Redação
  • 16 Ago 2019
  • 16:22h

(Imagem Ilustrativa)

Foi publicado no Diário Oficial do Estado (DOE) desta sexta-feira (16), um convênio entre o Governo da Bahia e a prefeitura de Caetité para a implantação de uma Unidade de Alta Complexidade em Oncologia (Unacon). De acordo com o secretário da Saúde do Estado, Fábio Vilas-Boas, as obras contarão com o investimento de R$3,1 milhões e mais R$10 milhões em equipamentos. “Estamos investindo na regionalização da assistência oncológica, com novas unidades implantadas e em implantação nos municípios de Caetité, Vitória da Conquista, Juazeiro, Barreiras, Irecê, Porto Seguro e em Salvador, no Hospital da Mulher”, afirma o secretário.

Presidente da Anvisa defende que sociedade é que deve decidir sobre cannabis medicinal

  • Redação
  • 14 Ago 2019
  • 16:24h

O diretor-presidente da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), William Dib, atribuiu a responsabilidade pela decisão sobre a regulamentação do plantio e o uso da cannabis medicinal à população. "Sociedade deve decidir quem tem razão [na disputa", disse. Ao contrário do que afirma o ministro da Cidadania, Osmar Terra, Dib ressaltou que a Anvisa discute apenas o medicamento, e não a legalização das drogas. "O papel da Anvisa não é causar polêmica, nem com o ministro, muito menos com o governo. Eu tenho certeza de que nós estamos cumprindo nosso papel. Se ele tem essas opiniões, acho que ele tem que externar e a sociedade deve decidir quem tem razão", analisou o diretor-presidente da Anvisa. “Não vou polemizar com o ministro, porque eu insisto que a Anvisa quer debater medicamento à base de cannabis e ele insiste em discutir o efeito deletério de drogas” acrescentou Dib durante audiência pública realizada pela Anvisa para discutir a cannabis medicinal. Na semana passada, em entrevista ao site "Jota", Osmar Terra mencionou a possibilidade de fechar a Anvisa caso as regras sejam aprovadas.

Agosto Dourado: Semana da Amamentação de Brumado se iniciará na próxima segunda-feira (19)

  • Ascom | PMB
  • 14 Ago 2019
  • 08:58h

(Divulgação)

O “Agosto Dourado” é símbolo da luta pelo incentivo à amamentação e traz o dourado confirmando o padrão ouro de qualidade do leite materno. A campanha é focada na conscientização e esclarecimento com palestras e reuniões com a comunidade. Durante todo o mês de agosto, vários espaços públicos de Brumado receberão a cor dourada. O leite materno é a primeira e principal fonte de nutrição dos recém-nascidos, protege a criança de doenças e ainda estimula o desenvolvimento cerebral. Segundo a Organização Mundial da Saúde, o estímulo da amamentação exclusiva salva seis milhões de crianças por ano no mundo. Então, a Secretaria Municipal de Saúde de Brumado, por meio das nutricionistas do NASF, Anne Viana, Nathila Lobo e Carla Bonfim, abraçaram a campanha e irão realizar uma série de ações referentes à conscientização e fortalecimento do aleitamento materno em Brumado. O foco principal será a Semana da Amamentação que se iniciará na próxima segunda-feira (19) e se encerrando na sexta-feira (23). As atividades ocorrerão no período da manhã nas seguintes UBSs e todos os pais, gestantes e interessados em saber mais sobre a importância e benefícios da amamentação, estão convidados, confira:

Dia 19/08 - será na UBS Dr. Arlindo Magno Stanchi (Bairro São Félix)
Dia 20/08 - UBS Dr. Fernando Luís Gonçalves (Bairro São José)
Dia 21/08 - UBS Ivaneide dos Santos Teixeira (Bairro olhos D'Água)
Dia 22/08 - UBS Dr. Paulo Vargas (Bairro Dr. Juraci)
Dia 23/08 - UBS Liziane dos Santos Alves (Bairro Hospital)

Ccriptococose ‘Doença do pombo’ mata empresário e cinegrafista

  • Informações do G1
  • 08 Ago 2019
  • 08:15h

(Fotos: Reprodução)

Um cinegrafista de 43 anos e um empresário de 56 morreram no último mês. em Santos (SP), por conta da criptococose, conhecida como “doença do pombo”. As informações são do G1. José Wilson de Souza morreu em 18 de julho e o cinegrafista Mauro Sérgio Gil Senhorães faleceu no dia 23 do mesmo mês. Eles ficaram internados em hospitais diferentes por quatro meses, com os mesmos sintomas. Familiares contaram que ambos eram sadios e ativos até que começaram a demonstrar sinais da doença. Os sintomas de ambos incluia dor de cabeça, tontura, febre, falta de ar e cansaço. É comum que se confunda a doença com uma gripe mais forte. O quadro vai se agravando e no final o empresário chegou a ficar em coma. A doença é uma infecção causada por fungos que se espalham nas fezes de pombos e em ocos de árvores. Pelo ar, os fungos podem ser inalados pelas pessoas e, instalados no pulmão, atingem o sistema nervoso central. O risco é maior em ambientes fechados. A reprodução rápida dos pombos pode dificultar o controle da doença. A Secretaria de Saúde de Santos diz que a doença não tem notificação obrigatória, seguindo os protocolos atuais, e por isso não há dados sobre ela. Mesmo assim, diante dos dois quadros conhecidos, a prefeitura diz que está fazendo ações educativas para prevenção e controle das pragas urbanas. É possível solicitar fiscalização em áreas e imóveis com grandes concentrações de pombos.

 

Governo Federal disponibiliza R$ 7,3 milhões para cirurgias eletivas do SUS na Bahia

  • Redação
  • 29 Jul 2019
  • 14:52h

Governo Bolsonaro disponibiliza R$ 7,3 milhões para cirurgias eletivas do SUS na BahiaFoto: Câmara dos Deputados / Divulgação

A presidência da República, através do Ministério da Saúde, disponibilizou R$ 7,3 milhões para a ampliação do acesso aos procedimentos cirúrgicos eletivos, no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS) na Bahia, conforme publicação no Diário Oficial da União desta segunda-feira (29). O repasse será feito por meio do Componente Fundo de Ações Estratégicas e Compensação (Faec). Ao todo, foi disponibilizado para todos os estados o montante de R$ 100 milhões, dividido conforme a população de cada local.