BUSCA PELA CATEGORIA "Curiosidades"

5 infrações de moto que causam suspensão direta da CNH

  • Luiz Agberto
  • 10 Jan 2020
  • 13:51h

(Foto: Brumado Urgente Conteúdo)

Para muitos motociclistas há um consenso sobre a sensação de pilotar uma moto: a liberdade. No entanto, ao acumular e atingir o limite de 20 pontos com multas em um período de 12 meses, é inevitável a perda do direito de dirigir por suspensão. O que alguns não sabem é que existem diversas infrações em que o condutor da categoria A pode ter a sua CNH (Carteira Nacional de Habilitação) suspensa imediatamente - com apenas uma infração. Para sanar algumas dúvidas, a especialista em soluções para o trânsito, Claudia de Moraes, CEO da Younder, lista cinco infrações cometidas por motociclistas que podem causar suspensão direta da habilitação e o valor de suas multas.

Trafegar com a luz apagada


Não é incomum presenciar no trânsito uma moto com farol apagado, principalmente, pelo fato de que muitas pessoas acreditam que essa é uma questão banal. Isso acontece com relativa frequência e entre os principais argumentos para a luz apagada estão o esquecimento do motociclista ou problemas técnicos. A multa para este tipo de transgressão é de R? 293,47 e pode levar à cassação da CNH.

 

"Trata-se de uma infração que traz riscos ao trânsito, pois as motos trafegam de forma mais prática que os veículos maiores. Por andarem muito nos corredores, alguns motociclistas não têm a consciência de que as outras pessoas podem não enxergar suas aproximações. Com a luz apagada é muito mais difícil para motoristas ou pedestres terem tempo de reação nas vias", explica Claudia.
 

Carona de risco
 

Segundo o Artigo 244 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), conduzir motocicleta transportando criança menor de sete anos é infração gravíssima, com custo de R? 293,47 e suspensão da CNH. Ainda sobre a infração, Claudia de Moraes ressalva um detalhe importante. "Mesmo que as crianças transportadas tenham essa idade, ela não deve ser transportada na motocicleta se não tiver tamanho para firmar os pés nos pedais ou não tenha segurança suficiente para se manter na moto", pondera.
 

Além deste fator, transportar mais de uma pessoa na moto também constitui infração de carona de risco com o mesmo valor de multa e a possibilidade da suspensão da habilitação.
 

Fechar a circulação de vias
 

Seja parcialmente ou totalmente, fechar uma via de circulação com qualquer veículo de forma deliberada (o que inclui motos), é infração gravíssima e possibilita a suspensão da CNH. O valor da multa para quem comete este tipo de transgressão é bem salgado: R? 5.869,40.
 

"A única forma de fechar uma via é avisando à polícia com antecedência, por exemplo, em casos de manifestações ou eventos", alerta Claudia.
 

Malabarismos
 

Conduzir a moto fazendo manobras perigosas ou malabarismos - como empiná-la -, é tida como demonstração de habilidade para muitos motociclistas. No entanto, este ato pode gerar multa de R? 293,47 (gravíssima) e suspensão da habilitação.
 

"O principal problema é que ao perder o equilíbrio, o motociclista pode causar diversos tipos de acidentes, seja para ele mesmo sob o risco de cair, atropelar pedestres ou colidir com outros veículos nas vias. Trata-se de uma atitude imprudente e o ideal é deixar para fazer malabarismos em eventos voltados a essas habilidades", sugere a especialista.
 

Dirigir sob efeito de álcool
 

Talvez não seja surpresa, mas nunca é demais reforçar. Pilotar qualquer tipo de veículo alcoolizado nas vias, inclusive motos, ou até mesmo recursar-se a fazer o teste de bafômetro é infração gravíssima, com punição de multa de R? 2.934,70 e suspensão da CNH.
 

Segundo Claudia de Moraes, essa é uma das atitudes mais perigosas para o trânsito. "Este tipo de conduta tem avançado com o passar dos anos, e ainda é uma das principais causas de acidentes e mortes entre os envolvidos no trânsito. Se a intenção do motociclista é beber, o mais indicado é deixar a moto em casa. É importante frisar que não há um nível de tolerância, ou seja, basta um copo de cerveja para ser pego no teste", reforça.
 

 

CONTINUE LENDO

Sindicato dos Produtores divulga indicados a melhor filme

  • 08 Jan 2020
  • 10:09h

(Foto: Divulgação)

O Sindicato dos Produtores da América (PGA, na sigla original) anunciou nesta terça-feira (7) os dez indicados à melhor produção cinematográfica do ano. O evento é considerado um dos grandes indicadores da categoria de melhores filmes do Oscar.Os concorrentes à principal categoria são "1917", "Ford vs Ferrari""O Irlandês", "Jojo Rabbit", "Coringa""Entre facas e segredos""Adoráveis mulheres""História de um casamento""Era uma vez em Hollywood" e "Parasita".Com grande parte dos membros votantes da Academia, e um sistema de votação parecido, o PGA é um dos melhores termômetros da categoria principal do Oscar. Em 30 anos, as escolhas das duas organizações coincidiram 21 vezes – inclusive em 2019, com "Green Book: O Guia".Em 2020, a premiação do sindicato acontece no dia 18 de janeiro.Já os indicados a melhor animação do ano são "Abominável", "Frozen 2""Como Treinar o seu Dragão 3", "Link Perdido" e "Toy Story 4".A organização também tem categorias para produções televisivas, com "Big little lies", "The Crown", "Game of thrones", "Succession" e "Watchmen" como os melhores dramas do ano.Entre as séries de comédia estão "Barry", "Fleabag", "The marvelous mrs. Maisel", "Schitt's creek" e "Veep".

Confira a lista dos indicados nas principais categorias:

Melhor produção cinematográfica do ano (Prêmio Darryl F. Zanuck):

  • "1917"
  • "Ford vs Ferrari"
  • "O Irlandês"
  • "Jojo Rabbit"
  • "Coringa"
  • "Entre facas e segredos"
  • "Adoráveis mulheres"
  • "História de um casamento"
  • "Era uma vez em Hollywood"
  • "Parasita"

Melhor produção cinematográfica de animação do ano:

  • "Abominável"
  • "Frozen 2"
  • "Como Treinar o seu Dragão 3"
  • "Link Perdido"
  • "Toy Story 4"

Melhor produção televisiva de drama em episódios (Prêmio Normal Felton):

  • "Big little lies"
  • "The Crown"
  • "Game of thrones"
  • "Succession"
  • "Watchmen"

Melhor produção televisiva de comédia em episódios (Prêmio Danny Thomas):

  • "Barry"
  • "Fleabag"
  • "The marvelous mrs. Maisel"
  • "Schitt's creek"
  • "Veep"

Nasa descobre planeta com o tamanho da Terra em zona 'habitável'

  • 07 Jan 2020
  • 14:34h

(Foto: Nasa/AFP)

A Nasa anunciou nesta segunda-feira (6) que seu satélite TESS havia permitido a descoberta de um planeta do tamanho da Terra a uma distância intermediária de sua estrela, o que permitiria a presença de água em estado líquido. Chamado "TOI 700 d", o planeta está relativamente próximo da Terra - a apenas 100 anos-luz – disse o Laboratório de Propulsão a Jato da Nasa durante a conferência de inverno (boreal) da Sociedade Americana de Astronomia, em Honolulu, no Havaí. "O TESS foi projetado e lançado especificamente para encontrar planetas do tamanho da Terra e em órbita de estrelas próximas", disse o diretor de astrofísica da Nasa, Paul Hertz. Inicialmente, o satélite classificou erroneamente a estrela, o que implicava que os planetas pareciam maiores e mais quentes do que realmente eram. Vários astrônomos amadores identificaram o erro. "Quando corrigimos os parâmetros da estrela, os tamanhos de seus planetas foram reduzidos, e percebemos que a mais externa era do tamanho da Terra e estava na zona habitável", afirmou Emily Gilbert, uma estudante de pós-graduação da Universidade de Chicago.

Sofrência Financeira: Mudança no Código Civil pode fazer com que a traição no casamento gere indenização financeira por dano moral

  • Brumado Urgente
  • 07 Jan 2020
  • 10:48h

Os infiéis agora poderão ter que sofrer no bolso (Foto Ilustrativa)

Uma mudança no Código Civil que irá ser analisada por comissões especiais da Câmara Federal, pode trazer uma mudança nada agradável para os casados, já que pode tornar lei uma regra que, na prática, já foi aplicada em algumas decisões judiciais: a traição no casamento pode passar a dar direito ao parceiro traído a uma indenização financeira por dano moral. É o que prevê projeto de lei (PL 5716/16) em tramitação na Câmara dos Deputados que modifica o Código Civil, incluindo punição para descumprimento do artigo que coloca a “fidelidade recíproca” como um “dever” no casamento. De acordo com o texto, “o cônjuge que pratica conduta em evidente descumprimento do dever de fidelidade recíproca no casamento responde pelo dano moral provocado ao outro cônjuge”. Então, em tempos de Whatsapp, Tinder, Facebook e tantos outros, a fidelidade pode ter um aumento considerável, já que além de ser mais fácil provar a traição, a “a dor no bolso” realmente pode fazer com que os “traidores” tenham que conter seus ímpetos libidinosos. Caso isso venha realmente a se estabelecer, a Sofrência que invade os corações e o os ouvidos, narrando as traições e os desencantos do amor, vai ter que ser repaginada, então fica a pergunta no ar: “E agora Marília Mendonça, será que chegou a hora de falar realmente do amor fiel ou a dor da traição e dos ressentimentos amorosos vai continuar a ser a alma das suas canções?”.

O cativeiro psicológico e o medo de ir mais longe

  • Pensar Contemporâneo | Juliana Santin
  • 07 Jan 2020
  • 08:10h

(Imagem Ilustrativa)

Recentemente chegaram à minha casa dois gatos que passaram por uma situação peculiar. Após 4 anos vivendo em uma casa com total acesso a todos os espaços e convivendo ativamente com as pessoas com quem moravam foram, por motivos que não vêm ao caso aqui, confinados a um espaço único da casa, no caso, o quintal. O espaço era limitado e infinitamente menor do que o que eles estavam vivendo até então. O contato com as pessoas da casa passou a ser quase que somente nos momentos de troca de água, ração e limpeza da areia higiênica. O que chamou minha atenção foi o seguinte: esses dois gatos estavam muito assustados e com muito medo justamente do que? Do excesso de espaço. O quintal aqui é bem amplo e eles simplesmente, ao chegarem, não tinham coragem de avançar no espaço inteiro. Limitavam-se a um pequeno espaço, que consideravam seguro, e agiam como se tivesse um campo de força invisível que os impedisse de avançar mais. Quando arriscavam-se, voltavam correndo para aquele espacinho que delimitaram como seguro.

Isso me fez refletir muito sobre isso: se gatos que viveram mais tempo com uma maior liberdade, tendo acesso a um mundo bem maior (antes, o mundo para eles era a casa inteira), ao serem confinados durante meses, acostumam-se com esse espaço menor e limitado, passando, então, a desconfiar de tudo que está fora desse espaço delimitado – ainda que esse espaço seja ruim e não apropriado para eles -, imagine só gatos que nascem e são criados já em um pequeno cativeiro?

Ora, isso se parece muito com a zona de conforto – ou de desconforto – em que nos instalamos tantas e tantas vezes e da qual temos tanto receio de sair. Muitas vezes, agimos como gatos assustados que, mesmo tendo um mundo muito mais amplo e interessante à sua disposição, não têm coragem de sair daquele pequeno espaço delimitado que os deixa seguros, mesmo que esse seja muitas vezes ruim e insuficiente.

Isso me lembrou o texto de Étienne de La Boétie, chamado Discurso da Servidão Voluntária. Esse texto, publicado por volta de 1570 e escrito quando ele tinha apenas 18 anos de idade, discute justamente essa questão: por que as pessoas obedecem determinadas regras se não tem, muitas vezes, nada nem ninguém que as faça obedecer de forma forçosa? Ele diz que mais do que tentar entender o que um tirano precisa ter e fazer para poder exercer poder sobre as massas, vale tentar entender por que as massas obedecem sem resistir.

É como se, inicialmente, fosse necessário fechar a porta impedindo a entrada dos gatos na casa, mas, depois de um tempo, não precisasse mais da barreira física. Cria-se um cativeiro psicológico, de forma que os gatos não saem mais de seu espaço mesmo que nada os impeça de fato. Eles se acostumam com os impedimentos e barreiras e passam a temer deixar aquela situação.

Tenho a impressão de que o mesmo acontece conosco. Parte desse processo já começa na educação: desde muito pequenos já somos colocados em salas de aula, somos obrigados a ficar sentados e a seguir diversas regras que, com o passar do tempo, interiorizamos como verdades inabaláveis. E quando enxergamos possibilidades de novos e infinitos mundos que poderíamos explorar, nós simplesmente paralisamos, como se houvesse o tal campo de força invisível. Não damos um passo a mais, mesmo que não haja nada nem ninguém nos impedindo.

“A liberdade é a única coisa que os homens não desejam; e isso por nenhuma outra razão (julgo eu) senão a de que lhes basta desejá- la para a possuírem; como se recusassem conquistá-la por ela ser tão simples de obter” (Étienne de La Boétie).

Criamos um roteiro de vida a ser seguido, criamos conceitos sobre nós mesmos, criamos crenças e pré-conceitos, criamos até mundos paralelos e virtuais, como o Facebook, por exemplo, onde não precisamos nem mais sair do lugar. O cativeiro está mais do que perfeito, porque não há ninguém obrigando ninguém a ficar com a cara grudada na tela do celular tendo o mundo inteiro ao seu redor, mas ficamos! E, incrivelmente, acreditamos que esse é o mundo.

Há um tempo, reduzi drasticamente meu uso do Facebook, passando a usar apenas profissionalmente e entrando muito esporadicamente com o intuito de “interagir” com os amigos. E é impressionante a quantidade de tempo que sobra no dia, tempo em que você levanta a cabeça do seu cativeiro psicológico e descobre que existe um quintal enorme à sua frente, esperando para ser explorado. E esse quintal pode ser seu quintal mesmo, literalmente, mas pode ser um livro, pessoas de carne e osso, pode ser uma música que você escuta prestando atenção, um hobby, um cachorro alegre na sua frente. E você sai desse espacinho e começa a explorar o quintal e descobre que não assusta tanto, mais. E você não quer mais voltar para aquele espaço limitado. Você volta a se acostumar com o mundo amplo à sua volta.

O mesmo ocorre quando você descobre que, apesar de ter se formado em uma faculdade, existe um mundo inteiro de outras coisas legais para aprender, estudar. Que o diploma de médica veterinária não me impede de estudar filosofia. Que o casamento às vezes não é vitalício e que a solteirice também não é. Que existem infinitos roteiros de vida que podem lhe satisfazer, assim como roteiros de viagens.

“Assim é: os homens nascem sob o jugo, são criados na servidão, sem olharem para lá dela, limitam-se a viver tal como nasceram, nunca pensam ter outro direito nem outro bem senão o que encontraram ao nascer, aceitam como natural o estado que acharam à nascença. Mas o costume, que sobre nós exerce um poder considerável, tem uma grande força de nos ensinar a servir e (tal como de Mitrídates se diz que aos poucos foi se habituando a beber veneno) a engolir tudo até que deixamos de sentir o amargor do veneno da servidão” (Étienne de La Boétie).

Então, você descobre, inclusive, que pode, se desejar, voltar para seu espacinho anterior quando quiser, passar um tempo lá, usar seu Facebook de vez em quando, mas já não teme mais afastar-se e explorar novos mundos. Vai ficando mais corajoso, vai gostando desse mundo que se abre e ficando cada vez mais resistente ao cabresto psicológico. Vai voltando a ser aquele gato explorador, livre, que às vezes se assusta, às vezes faz umas traquinagens, às vezes não gosta do que encontra em suas explorações, mas que não se deixa limitar mais.

CONTINUE LENDO

Anos bissextos: por que eles existem e desde quando são parte do calendário

  • BBC
  • 04 Jan 2020
  • 11:13h

(Foto: Getty Images/BBC)

Este ano que começou vai durar 366 dias e vez dos habituais 365. Será um ano bissexto. A cada quatro anos temos esta anomalia nos nossos calendários, mas por que ela existe e desde quando? Para responder a essas perguntas devemos voltar à Roma antiga, há mais de dois milênios, quando se descobriu que o calendário não estava totalmente alinhado com o ano solar. Nosso planeta não leva apenas 365 para dar uma volta ao redor do Sol, mas sim 365 dias, 5 horas, 48 minutos e 56 segundos. Por isso, Sosígenes propôs um calendário extremamente similiar ao dos egípcios, que tinha 365 dias com um dia adicional a cada quatro anos para se alinhar com o ano solar. Assim nasceu o calendário juliano, batizado em homenagem ao imperador. Porém, esse sistema também tinha pequenos erros e foi sendo progressivamente substituído pelo calendário gregoriano a partir de 1582. É esse o calendário que nos rege hoje. Como o calendário juliano exigia um dia adicional a cada quatro anos, os romanos decidiram que esse dia seria em fevereiro, que na época era o último mês do ano. O nome bissexto vem do latim "ante diem bis sextum Kalendas Martias" ("o sexto dia antes das Calendas de Março"), ou seja, o dia 24 de fevereiro. Como a frase era longa, acabou resumida para "bis sextus", que em português virou bissexto. Anos depois, o papa Gregório 13 decidiu com, uma bula papal, aperfeiçoar o calendário. Uma das mudanças foi que o dia adicional dos anos bissextos seria o 29 de fevereiro, e não o 24, definido pelo calendário juliano.Foi o imperador Júlio César quem pediu ao astrônomo alexandrino Sosígenes que o ajudasse a criar uma alternativa ao calendário romano mais adaptada à realidade e à rotação da Terra.

WhatsApp bate recorde com 100 bilhões de mensagens privadas enviadas na véspera de Ano Novo em todo o mundo

  • G1
  • 04 Jan 2020
  • 08:06h

( Foto: Divulgação/WhatsApp)

O WhatsApp informou que, durante as 24 horas que antecederam a meia-noite da véspera de ano novo, foi registrado um número recorde de mensagens enviado por meio do aplicativo em todo o mundo: mais de 100 bilhões durante as 24 horas do dia 31 de dezembro. De acordo com o aplicativo, houve mais mensagens enviadas do que em qualquer dia anterior nos 10 anos de história do WhatsApp. Apenas no Brasil, os usuários do WhatsApp enviaram mais de 13 bilhões de mensagens no dia 31 de dezembro de 2019. As estatísticas do WhatsApp também mostram que, das 100 bilhões de mensagens enviadas, mais de 12 bilhões eram mensagens multimídia enviadas ao redor do mundo na véspera de ano novo. Apesar da criptografia de ponta a ponta do WhatsApp, que só permite a leitura da mensagem entre quem envia e quem lê, o aplicativo supõe que um número grande de mensagens enviadas em 31 de dezembro foi de "Feliz Ano Novo". O WhatsApp revelou ainda os 5 principais recursos usados pelos usuários em todo o mundo ao longo do ano:

  1. Mensagens de texto
  2. Status
  3. Mensagens com imagens
  4. Chamadas
  5. Mensagens de voz

Empresa brasileira cria aliança de noivado com GPS para rastrear o parceiro

  • Redação
  • 03 Jan 2020
  • 08:18h

Existem anéis de noivado com esse sistema embutido, que permitem que você saiba exatamente onde está seu parceiro.| Foto: Reprodução

Há um milhão de modelos, desde artesanato, banhados em ouro e prata, com diamantes e até com GPS; Sim, as pessoas agora podem rastrear seu parceiro. Existem anéis de noivado com esse sistema embutido, que permitem que você saiba exatamente onde está seu parceiro. Inicialmente, esses anéis foram criados pela empresa brasileira, chamada Boyfriend Tracker. Ao saber de sua existência, muitos achavam que esses anéis eram a única coisa que causava desconfiança entre os casais. Então, eles disseram que este anel com GPS poderia ser mais útil do que se pensava anteriormente. Como por exemplo, no caso de sequestros, quando um dos cônjuges está viajando, e poderia até salvar a vida em caso de desastres. Na verdade, você pode receber muitos utilitários muito interessantes, mas muito depende das necessidades de cada pessoa. Qualquer que seja o caso, esses anéis com GPS continuam a provocar muita controvérsia entre as pessoas, mas mesmo assim é um dos produtos de casamento mais vendidos nas lojas online.

 

Dois asteroides, do tipo Aten, estarão próximos da Terra durante os feriados de fim de ano

  • Maria Eduarda Cury
  • 22 Dez 2019
  • 09:09h

Asteroides: Nasa informa que dois asteroides do tipo Aten se aproximarão do planeta Terra entre o Natal e Ano Novo (JUAN GARTNER/Getty Images)

De acordo com o Centro de Estudos de Objetos Próximos à Terra, CNEOS, da agência espacial Nasa, dois asteroides se aproximarão do planeta Terra durante os feriados de Natal e Ano Novo. Segundo a agência, os dois asteroides, nomeados de 310442 e 216258, estarão astronomicamente perto do planeta do dia 26 de dezembro até o dia 31 do mesmo mês. O primeiro asteroide, que é o 310442, está estimado para se aproximar da Terra no dia 26 de dezembro, um dia após a comemoração do Natal, às 16h54 no horário de Brasília. Esse asteroide, segundo o CNEOS, possui um diâmetro de 600 metros e consegue viajar a uma velocidade de até 44.256 quilômetros por hora. Já o segundo asteroide, chamado de 216258 ou 2006 WH1, está programado para se aproximar do planeta nos dias seguintes, antes do ano terminar e ainda sem horário definido. Paul Chodas, diretor do CNEOS, disse para o portal Newsweek que o diâmetro das rochas faz com que sua aproximação seja perigosa, embora não haja algum risco de colisão até o momento: “Ao longo de muitos séculos e milênios [esses asteróides] podem evoluir para órbitas que atravessam a Terra. Portanto, é prudente continuar acompanhando-os nas próximas décadas e estudar como suas órbitas podem estar evoluindo.” Segundo a NASA, esses asteroides estarão a cerca de 2 milhões de quilômetros da Terra – uma distância curta, se analisada astronomicamente. Classificados como do tipo “Aten”, seus materiais rochosos permitem que viajem pelo espaço em alta velocidade, e apresentam uma órbita maior do que a distância entre a Terra e o Sol.

 

'Chiclete' de 5.700 anos traz novas informações sobre DNA humano

  • G1
  • 18 Dez 2019
  • 10:03h

( Foto: Divulgação/Nature)

A análise de uma 'goma de mascar' com mais de 5 mil anos revelou não apenas as origens da mandíbula que a mastigou, mas também a cor de seus olhos, os germes que sua boca hospedava, e a composição de suas refeições. "Pela primeira vez, um genoma humano antigo e completo foi recuperado de algo que não ossos ou dentes", disse Hannes Schroeder, da Universidade de Copenhague, coautor do estudo publicado nesta terça-feira (17) na revista "Nature Communications". "Essa fonte muito preciosa de DNA antigo, particularmente para os períodos em que os restos humanos são escassos, não passa de uma pasta enegrecida, obtida da casca de bétula aquecida, mais comum do que achamos, porque se conserva bem". Seu trunfo: ter sido, em tempos pré-históricos, amplamente mastigada. Evidências de impressões dentárias são frequentemente encontradas em caules de bétula. A "goma" foi estudada por pesquisadores da Universidade de Copenhague foi descoberta durante escavações arqueológicas realizadas pelo Museu Lolland-Falster em Syltholm, no sul da Dinamarca. "Syltholm é realmente um local único. Quase tudo está selado na lama. No entanto, a preservação de restos orgânicos é fenomenal", disse em comunicado outro co-autor do estudo, Theis Jensen, também da Universidade de Copenhague. Ao estudar o DNA humano que o caule de bétula continha, os pesquisadores conseguiram estabelecer que a pessoa que o havia mastigado era uma mulher, provavelmente de olhos azuis, pele e cabelos escuros. Segundo o estudo, a pessoa era geneticamente mais próxima dos caçadores-coletores da Europa continental do que dos da Escandinávia central.

Acidente de Gugu Liberato nos EUA é considera gravíssimo; apresentador estaria correndo risco de morte

  • Informações da Revista Fórum
  • 21 Nov 2019
  • 17:53h

Apresentador caiu de uma altura de quatro metros e bateu com a cabeça na quina de um móvel dentro da casa onde mora nos Estados Unidos | Foto: Reprodução

É gravíssimo o estado de saúde do apresentador Gugu Liberato. Ele teria caído de uma altura de quatro metros dentro da casa onde mora, na cidade de Orlando, nos EUA, e batido com a cabeça na quina de um móvel. Familiares de Liberato, entre eles a mãe Maria do Céu, de 90 anos, embarcaram nesta quinta-feira (21) para acompanhar o estado de saúde do comunicador. A assessoria de imprensa do artista divulgou nota dizendo que ele está sendo observado em um hospital.  ’Informamos que nesta quarta-feira, 20, o apresentador Gugu Liberato sofreu um acidente em sua casa em Orlando e encontra-se internado em observação por 48 horas”.A assessoria de imprensa de Gugu também pediu aos jornalistas para que aguardassem novas informações sobre o estado de saúde de Gugu, não confirmando a gravidade do caso. Fontes que estão acompanhado a situação de perto em Orlando, afirmam que o estado de saúde do apresentador seria muito grave. Gugu Liberato tem 60 anos, é casado e pai de três filhos. Atualmente está no ar na TV Record com o reality show cy “Canta comigo”. A assessoria de imprensa da TV Record informou que todos os episódios da atração, incluindo a final que será no dia 4 de dezembro, já estão gravados.

Marilene que foi 'engolida' por portão de garagem conta: 'pensei que pudesse passar a noite toda lá'

  • Redação
  • 29 Out 2019
  • 17:18h

Marilene foi 'arrastada' pelo portão automático de uma garagem. 'Se Joga' conversa com ela por telefone; assista ao vídeo

O vídeo de uma mulher que foi "engolida" pelo portão automático de uma casa viralizou na internet. Dona Marilene estava andando por uma calçada de Goiânia, se distraiu e foi arrastada para dentro de uma garagem de pessoas desconhecidas. Ela ficou presa lá dentro por pelo menos uma hora, mas tudo acabou bem. Passado o susto, Marilene bateu um papo por telefone com o Se Joga e deu detalhes dos momentos de apuros que passou dentro da garagem.  A preocupação de Marilene foi com sua família, já que ela estava sem o celular. Para tentar pedir ajuda, a advogada até conversou com as câmeras da garagem: "Pensei: 'meu Deus, me ajuda. Não deixa esses cachorros se soltarem, não'. Na câmera eu estava falando para o dono da casa: 'por favor, venha me socorrer. Você me deixou trancada aqui dentro e não sei o que fazer'." "Pensei até que pudesse passar a noite toda lá. Agradeço a todos que se preocuparam comigo", encerrou Marilene.

Empresário abre processo contra Jotinha

  • BV
  • 11 Out 2019
  • 17:47h

(Foto: Reprodução)

Um empresário de Feira de Santana está processando o influenciador digital José Luiz, mais conhecido como Jotinha. Famoso na web, principalmente no WhatsApp, por conta de seus áudios engraçados, a “mini celebridade” tem como algoz o dono de uma loja de equipamentos eletrônicos. De acordo com o Blog do Velame, Jotinha foi contratado pelo valor de R$ 3 mil para um pacote que incluía divulgação em vídeo, stories e feed em seu perfil do Instagram divulgando a abertura da loja. Entretanto, o empresário mudou a data inicialmente acordada em contrato e depois se irritou pelo influenciador não ter disponibilidade para as novas datas pretendidas por ele, O desacordo foi parar na justiça e o empresário pede devolução do adiantamento de R$ 1.500 e mais os supostos danos morais. Certo de que não fez nada errado, Jotinha segue postando e divertindo seu fiel público no Instagram, mas em breve deve ser visto no Fórum de Feira de Santana se explicando sobre essa querela judicial.

Assessor do PT que ficou milionário volta a ganhar na loteria

  • bahia.ba
  • 08 Out 2019
  • 15:40h

sortudo participou de bolão de funcionários do PT que foi premiado com R$ 120 milhões | Foto: Reprodução

Um dos assessores do Partido dos Trabalhadores (PT) que participou do bolão dos 49 premiados no prêmio de R$ 120 milhões, há duas semanas atrás, voltou a ser sorteado na loteria federal. Com informações da GaúchaZH. Dias após virar milionário, o sorteado voltou a ganhar na Mega-Sena. Desta vez, o valor não foi tão alto, visto ter acertou apenas a quadra, e não os seis números da maior loteria do país. Ele levou para casa R$ 579. “Tenho certeza de que vou ganhar de novo. Jogo há mais de 20 anos. Eu não ganhei na sorte, mas na insistência”, disse o sortudo, que não teve a identidade revelada à reportagem.

Pé na Tábua: Motorista é flagrada dirigindo a 710 km/h: “achei estranho”, diz a mulher

  • Redação
  • 02 Out 2019
  • 17:55h

Uma motorista recebeu em sua casa uma multa por dirigir acima da velocidade permitida em uma rodovia de Brasília. O inusitado é que o registro no sistema de trânsito consta que o veículo estava trafegando a incríveis e impossíveis 710 km/h. A velocidade apontada na multa é inatingível por meios comuns pelo automóvel, um Veloster. A servidora pública Lana Albuquerque, dona do veículo, contou ao G1 foi flagrada em outubro do ano passado, mas ela só notou a infração nesta semana. Além da velocidade exagerada, o documento também trazia outro dado contestável: o de que a velocidade permitida para a via era de 600 km/h – 10 vezes maior do que o limite máximo. Para a motorista, pode ter havido um erro do sistema, com acréscimo de um zero ao final. Apesar disso, ela não descarta que dirigiu acima da velocidade, e disse que vai pagar a multa.