BUSCA PELA CATEGORIA "Bahia"

Em um ano, casos de Aids diminuem 60% na Bahia, aponta Sesab

  • G1
  • 05 Dez 2019
  • 18:07h

(Foto: Reprodução)

O número de casos de Aids, doença provocada pelo Vírus da Imunodeficiência Humana (HIV), diminui em 60% entre os anos de 2017 e 2018, segundo dados da Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab). Em 2017 foram registrados 1.817 casos em todo o estado. No ano seguinte, em 2018, o total foi de 736, número menor do que a metade do total de registrado no ano anterior. Em 2017, só em Salvador, houve o registro de 732 pessoas com a doença. Feira de Santana, que fica a cerca de 100 Km da capital baiana, ocupou a segunda posição, com 144 casos. Juazeiro, na região norte do estado, teve 50 pessoas infectadas no mesmo período. Já Lauro de Freitas e Camaçari, ambas na região metropolitana de Salvador, foram, respectivamente, 46 e 41 casos. Na época, os números foram divulgados também pela Sesab e mostrava que Salvador, Feira de Santana, e Juazeiro eram os municípios com o mais casos da doença. Em 2018, Salvador continuou na liderança da lista, com 313 casos. A segunda cidade com maior número de pessoas infectadas no ano passado foi Feira de Santana, com 54. Já em Itabuna, em todo ano de 2018, 17 pessoas descobriram que estavam contaminadas pelo vírus. Lauro de Freitas e Juazeiro vieram em seguida, com 14 e 13 casos, respectivamente. Ainda não existe um balanço consolidado com dados de 2019. Apesar disso, segundo a Sesab, até maio, 834 novos casos de HIV foram registrados no estado. A maior parte das ocorrências é de Salvador. A cidade tinha, na época, 404.

 

Polícia prende 9 suspeitos de integrar quadrilha que aplicou golpe em seis estados; vítimas são investidores de bitcoins

  • G1
  • 05 Dez 2019
  • 17:05h

( Foto: Polícia Civil/Divulgação)

A Polícia Civil deflagrou uma operação, na manhã desta quinta-feira (5), contra uma quadrilha suspeita de aplicar golpe em seis estados. Em Curitiba e Região, nove pessoas foram presas, entre elas, um agente penitenciário. Ao todo, são 11 mandados de prisão temporária. De acordo com a Polícia Civil, os alvos da organização criminosa eram investidores de bitcoins. O prejuízo estimado passa de R$ 1,5 bilhão. O golpe era aplicado por meio de uma empresa com sede em Curitiba, segundo a Polícia Civil. O grupo criminoso é investigado pelos crimes de estelionato, associação criminosa, lavagem de dinheiro e falsificação de documento particular. Ao todo, são 62 ordens judiciais – além das prisões, há busca e apreensão, bloqueio de contas e sequestro de veículos. Os mandados são cumpridos em Curitiba, Pinhais, Piraquara, Pontal do Paraná e no estado de São Paulo, incluindo a capital. Os estados em que houve vítimas são:  Paraná , Amapá, Maranhão, Minas Gerais, São Paulo, Bahia Quinhentas vítimas já foram identificadas, mas, conforme a Polícia Civil, o número pode chegar a cinco mil. De acordo com a Polícia Civil, o grupo mantinha a empresa que oferecia serviço de investimento em bitcoins. Os suspeitos ficavam com o dinheiro e não devolviam nada às vítimas. A quadrilha transformou o esquema em um golpe da pirâmide, segundo delegado Emmanuel David, da Delegacia de Estelionato de Curitiba. O delegado explicou que apenas a associação criminosa ganhava dinheiro.

 

 

Bahia: Casal e filha de 4 anos morrem após moto em que estavam ser atingida por caminhonete

  • G1
  • 05 Dez 2019
  • 14:01h

(Foto: Reprodução/Site Notícias de Santaluz)

Um casal e a filha de quatro anos morreram na noite de quarta-feira (4), em Euclides da Cunha, município a cerca de 315 km de Salvador, após a moto em que eles estavam ser atingida por uma caminhonete. Segundo informações levantadas junto à polícia da cidade, o acidente ocorreu em trecho da BR-116, na altura do bairro da Lagoa da Vaca. As vítimas morreram ainda no local, e os corpos foram encaminhados ao Instituto Médico Legal da cidade. À polícia, o motorista da caminhonete contou que a motocicleta estava com os faróis apagados e que ele não os viu na pista. O caso está sendo investigado pela 25ª Coordenadoria de Polícia Civil do Interior.

Operação contra tráfico internacional de drogas cumpre mandado na Bahia

  • G1
  • 04 Dez 2019
  • 15:06h

(Foto: Reprodução)

A Polícia Federal cumpre, na manhã desta quarta-feira (4), um mandado de busca e apreensão em Eunápolis, cidade do extremo sul da Bahia, durante uma operação de combate ao tráfico internacional de drogas. Além da Bahia, a ação ocorre em outros cinco estados. A operação, chamada de Voo Baixo, é coordenada pelo estado de São Paulo. Foram expedidos cerca de 50 mandados judiciais, sendo ao menos 13 de prisão e 33 de busca e apreensão em São Paulo, Mato Grosso do Sul, Santa Catarina, Mato Grosso e Minas Gerais, além da Bahia. O principal alvo da operação é um empresário do interior de São Paulo que comandava o envio de cocaína da Bolívia, por avião, para o Brasil e depois fazia a distribuição da droga por meio de fazendas no Mato Grosso do Sul e São Paulo. Ele foi preso nesta manhã em Paranaíba, no Mato Grosso do Sul. A droga chegava ao porto de Santos, a partir de onde era remetida para a Europa. Na operação Voo Baixo, a Justiça também determinou o sequestro de bens - como fazendas e aviões usados pelos traficantes. Até as 7h17 desta quarta, quatro aviões já haviam sido apreendidos. Durante a investigação, que começou em 2018, foram presas outras 11 pessoas que participavam da quadrilha. Seis grandes apreensões também foram feitas nesse período da investigação. Durante a apuração, um avião foi interceptado pela Força Aérea na fronteira com a Bolívia em abril de 2018, contendo 480 quilos de cocaína.

Sudoeste: Dupla é presa transportando mais de 50 Kg de maconha em ônibus de turismo

  • G1
  • 04 Dez 2019
  • 12:41h

(Foto: Polícia Rodoviária Federal - PRF)

Dois homens foram presos transportando 52 quilos de maconha em um ônibus de turismo, quando o veículo passava na BR-116, altura de Vitória da Conquista, cidade da região sudoeste da Bahia, na terça-feira (3).Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), agentes realizavam fiscalização no Km-836, quando abordaram o ônibus. A droga foi encontrada prensada, embaladas em 61 pacotes e distribuídas em duas malas. Os donos da droga foram localizados depois que os policias fizeram a checagem do numeral dos tíquetes de bagagens. Eles estavam sentados um ao lado do outro. Ainda segundo a PRF, um dos homens, natural da cidade sergipana de Frei Paulo, disse que recebeu R$ 200 reais para transportar a maconha da região do Brás, em São Paulo, até Cícero Dantas, a 300 km de Salvador.A dupla foi levada para a delegacia da cidade, enquanto a droga foi encaminhada para pericia.

Operação da PF contra grupo especializado em fraudes a bancos na Bahia cumpre mais de 30 mandados

  • G1
  • 04 Dez 2019
  • 11:31h

Foto: Arquivo Pessoal

A Polícia Federal (PF) realiza na manhã desta quarta-feira (4) uma operação para desarticular organização criminosa especializada em fraudes contra instituições bancárias na Bahia. No total, foram expedidos oito mandados de prisão preventiva e 29 mandados de buscas em Salvador, Feira de Santana, Santa Bárbara e Catu. A operação, denominada de Assepticus, foi montada a partir de provas e colaborações premiadas obtidas na Operação Ali Babá, realizada em julho de 2016, e apontam a participação de servidores públicos e despachantes em desvios que superam os dez milhões de reais. Os criminosos atuavam na região de Feira de Santana, cidade a cerca de 100 quilômetros de Salvador. Além das cidades baianas, foram expedidos mandados também para Fortaleza, no Ceará. Segundo a PF, os criminosos forjavam contratos sociais e outros documentos com dados falsos, simulando a existência de faturamentos e rendimentos de grande monta que, com a conivência de funcionários das instituições financeiras, possibilitavam a obtenção de empréstimos vultosos que jamais eram quitados. Cerca de 100 policiais federais participam da operação. Os investigados irão responder pelos crimes de organização criminosa, estelionato, corrupção ativa e passiva, crimes contra o sistema financeiro e lavagem de dinheiro.

Corpo de baiano que morreu após ação da PM em Paraisópolis chega á Maracás

  • G1
  • 04 Dez 2019
  • 07:03h

(Foto: Arquivo pessoal)

O corpo do baiano que está entre os nove mortos após um tumulto em uma ação da Polícia Militar na comunidade de Paraisópolis, em São Paulo, foi transferido para a Bahia na tarde desta terça-feira (3). Segundo familiares, a mãe da vítima pegou um empréstimo de R$ 5 mil e um banco para pagar o transporte do corpo, de avião. Mateus dos Santos Costa tinha 23 anos e há cerca de 5 havia saído de Maracás, no sudoeste baiano, para morar em São Paulo. Ele participava de um baile funk na madrugada do domingo (1º), quando ocorreu a ação, e acabou pisoteado no tumulto, junto com as outras vítimas, após a chegada da polícia no local. O corpo do jovem saiu de São Paulo no início desta tarde e chegou na Bahia por volta das 14h. De acordo com uma das irmãs da vítima, Fabiana Santos, o avião com o corpo do jovem pousou no aeroporto de Ilhéus, que fica 258 km de Maracás, e de lá o percurso será concluído no carro da funerária contratada pela família. O corpo do jovem será velado na casa da mãe dele até a tarde da quarta-feira (4). O sepultamento será realizado às 16h, no Cemitério Municipal de Maracás. Segundo Fabiana Santos, como a família não tinha o dinheiro para o transporte, o empréstimo foi a alternativa encontrada. Ela conta que uma prima chegou a sugerir uma vaquinha online, mas a família preferiu não expor a memória do jovem com a ação. O empréstimo será descontado na aposentadoria da mãe de Mateus, que é cadeirante. A família está muito abalada com o caso. Eles não viam o jovem desde que ele se mudou. Em entrevista ao G1, Fabiana Santos contou que mora em Salvador, mas foi para Maracás para dar apoio à mãe, que está desesperada. Ela pede justiça pela morte do irmão. "Agora estamos sentido dor e tristeza, tudo junto, e quem fez isso não está nem aí. Minha mãe está desesperada, triste. A gente sabe que não foi acidente. A gente assiste jornais, a gente viu os vídeos, a gente sabe o que aconteceu", contou. A Corregedoria da Polícia Militar de São Paulo instaurou inquérito para avaliar a conduta dos policiais. Seis PMs foram afastados das ruas e já prestaram depoimento.

Bahia: Quatro pessoas morrem em acidente entre carro e caminhão-cegonha na BR-116

  • G1
  • 03 Dez 2019
  • 17:17h

(Foto: Reprodução)

Quatro pessoas morreram após um acidente entre um carro e um caminhão-cegonha, na manhã desta terça-feira (3), na BR-116, trecho da cidade de Tucano, a cerca de 252 km de Salvador. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), os veículos bateram de frente na altura do Km 300, por volta das 7h30. Não há informações sobre as causas do acidente. Ainda segundo a PRF, as vítimas que estavam no carro eram dois homens, 40 e 61 anos, uma mulher, 39 anos, e uma criança, 4 anos. O motorista do caminhão-cegonha não teve ferimentos. Os corpos das vítimas mortas foram encaminhados para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) da região.

STJ decide manter juiz da Bahia preso por tempo indeterminado

  • G1
  • 03 Dez 2019
  • 10:07h

(Foto: Reprodução)

O ministro Og Fernandes, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), decidiu nesta segunda-feira (2) converter de temporária para preventiva a prisão do juiz Sérgio Humberto de Quadros Sampaio, da 5ª vara de Substituições da Comarca de Salvador (BA). Na prática, com a decisão do ministro do STJ, a prisão do juiz não terá prazo. Isso porque a prisão temporária pode durar somente até 10 dias. Sérgio Humberto foi preso pela Polícia Federal em 23 de novembro por suposto envolvimento em um esquema de venda de decisões judiciais, além de corrupção ativa e passiva, lavagem de ativos, evasão de divisas, organização criminosa e tráfico de influência na Bahia. Quando o juiz foi preso, a defesa informou que o magistrado já havia respondido a todas as perguntas da PF e que acreditava que a prisão dele seria revogada. Além de Sérgio Humberto, o presidente do Tribunal de Justiça da Bahia, Gesivaldo Britto, e outros cinco magistrados foram afastados dos cargos por 90 dias por suspeita de envolvimento no mesmo esquema. Quando autorizou a operação da PF, Og Fernandes apontou a existência de uma organização criminosa que atuou no recebimento de propina, venda de decisões judiciais e grilagem de terras envolvendo a cúpula do Poder Judiciário no estado. Conforme o Ministério Público Federal (MPF), a análise de dados telefônicos e bancários obtidos com autorização judicial revelou "uma teia de corrupção, com organização criminosa formada por desembargadores, magistrados e servidores do TJ-BA, bem como por advogados, produtores rurais e outros atores do estado, em um esquema de venda de decisões para legitimação de terras no oeste baiano, numa roupagem em que se tem em litígio mais de 800 mil hectares".

Bahia: Homem é preso suspeito de estuprar duas adolescentes de 16 anos

  • G1
  • 02 Dez 2019
  • 20:05h

(Foto: Reprodução)

Um homem foi preso suspeito de estuprar duas jovens de 16 anos em Teixeira de Freitas, cidade do sul da Bahia, na manhã desta segunda-feira (2). Conforme Valéria Chaves, coordenadora da Polícia Civil da região, ele é parente das vítimas. Segundo a polícia, uma das vítimas sofreu o abuso sexual em junho deste ano. Já a outra foi estuprada em novembro. Apesar disso, não há mais detalhes sobre as circunstâncias dos crimes, que só foram descobertos depois que as vítimas contaram à família. O suspeito foi preso no bairro Nova Teixeira de Freitas e levado para a delegacia da cidade. O caso é acompanhado pela Delegacia Especial de Atendimento à Mulher da região.

Conquista: Homem é morto a golpes de faca; enteada confessa e diz que se defendeu

  • G1
  • 02 Dez 2019
  • 19:09h

( Foto: Divulgação/Polícia Militar)

Um homem de 49 anos foi morto a golpes de faca, durante briga com a enteada, de 22, no bairro Nossa Senhora Aparecida, em Vitória da Conquista, no sudoeste da Bahia. De acordo com a Polícia Militar, o crime ocorreu na noite de sábado (30). A jovem foi presa. Segundo a PM, após os golpes, Edvaldo Borges Moreira foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas não resistiu e morreu a caminho do hospital. A jovem foi encaminhada para a delegacia da cidade. Na unidade, ela confessou o crime e disse que Edvaldo chegou em casa embriagado, à procura da mãe dela, e em seguida começou uma discussão. Segundo a suspeita, o homem teria tentado agredi-la. Para se defender, ela pegou uma faca de serra e o atingiu na altura do coração. A Polícia Civil investiga o caso.

Grupo preso na Bahia ao tentar embarcar com malas de dinheiro para São Paulo levava mais de R$ 760 mil, diz Polícia Federal

  • G1
  • 02 Dez 2019
  • 18:00h

(Foto: Divulgação/Polícia Federal)

Os seis homens presos neste domingo (1º) no Aeroporto Internacional de Porto Seguro, no sul da Bahia, tentando embarcar com malas de dinheiro em espécie, levavam mais de R$ 760 mil, segundo informou a Polícia Federal nesta segunda-feira (2). Nas malas, foram encontradas notas de R$ 2, R$ 5, R$ 10, R$ 50 e R$ 100. De acordo com a PF, os homens tinham São Paulo como destino. A Polícia Militar disse que os presos são suspeitos de participar do roubo a uma agência do Banco do Brasil em Teixeira de Freitas, ocorrido na última sexta-feira (29). Os homens estavam sendo monitorados pelas forças estadual e federal após assalto. As investigações apontaram que, no dia do crime, o grupo entrou pelos fundos da agência durante a madrugada e fez um buraco na parede. Com isso, os assaltantes conseguiram desarmar o sistema de alarme e levar o dinheiro. Ainda segundo a polícia, foram encontradas ferramentas espalhadas pela agência, além de cofres abertos e vazios. Não houve registro de feridos. Segundo o delegado Carlos Cristiano Tenório, da polícia Federal, a investigação descobriu que seis homens que são de São Paulo e Santa Catarina compraram passagens aéreas para São Paulo à vista e desconfiaram da ação. "Suspeitamos dessa situação, fizemos um serviço de inteligência a respeito e descobrimos que esses elementos tinham passagem pela polícia. Após verificar esses antecedentes criminais, resolvemos aprofundar a investigação", explicou o delegado. Tenório contou ainda que a abordagem aconteceu quando os suspeitos embarcaram no aeroporto. O dinheiro foi encontrado após fiscalização das malas, que já haviam sido despachadas. O grupo e a quantia recuperada foram encaminhados para a Delegacia de Teixeira de Freitas. Os suspeitos devem responder por associação criminosa e roubo qualificado.

'Foi muito rápido', diz empresário que atropelou criança de um ano na BA durante confraternização; menino morreu

  • G1
  • 02 Dez 2019
  • 17:15h

( Foto: Reprodução / TV Bahia)

O empresário que dirigia a caminhonete atropelou uma criança de um ano e oito meses, durante uma festa de confraternização em Luís Eduardo Magalhães, cidade do oeste da Bahia, contou que o acidente aconteceu enquanto ele fazia uma manobra. O menino morreu.O caso aconteceu no domingo (1º). Mazock Pereira contou que manobrava o veículo com ajuda do pai da vítima, que estava na carroceria da caminhonete, e que tudo aconteceu muito rápido. Segundo ele, o bebê correu para frente do veículo e parou embaixo do pneu dianteiro. "Estava família toda reunida, a minha e a dele. Já estava terminando o dia e falei: “Vamos descarregar madeiras para fazer uma cerca”. A gente estava fazendo a manobra no pátio para descarregar. Ele [pai da vítima] estava em cima da carreta e eu dentro, manobrando. Como estava dando ré, eu estava olhando para trás, como de fato a gente tem que ficar, cuidando da traseira da caminhonete. E o menininho veio da cozinha, veio da frente do veículo. Não consegui concluir a manobra porque não dava espaço para manobrar. Fui tocar para frente para concertar a manobra, como a gente faz, nessa puxadinha para frente ele estava debaixo do pneu dianteiro. Ele viu o pai dele em cima da caminhonete e veio, acho que ao encontro do pai, a gente o dia interior brincando com ele. Infelizmente, aconteceu essa tragédia. Tá todo mundo abalado até agora. Ninguém sabe explicar uma situação dessa", disse o empresário. Mazock Pereira disse ainda que tudo aconteceu muito rápido. "Foi muito rápido. Quatro a cinco segundos ele estava no colo da mãe. A mãe colocou no chão um pouquinho para ir cuidar do que estava no fogo e ele correu para caminhonete", contou. O atropelamento aconteceu no Rio de Ondas, Vila I, zona rural da cidade. A criança chegou a ser socorrida pelo Serviço Móvel de Urgência (Samu) e lavada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), mas não resistiu. Não há detalhes sobre o sepultamento do menino. O empresário que dirigia a caminhonete foi ouvido pela Polícia Civil e liberado. O caso é investigado como homicídio culposo, quando não há intenção de matar.

Tanhaçu: Jovem que espancou ex-namorada em Guará, SP, é morto em confronto com a polícia

  • G1
  • 02 Dez 2019
  • 08:08h

( Foto: Reprodução/EPTV)

O jovem suspeito de espancar a ex-namorada, de 15 anos, em novembro, em Guará (SP), foi morto em confronto com a Polícia Militar, em Tanhaçu, no interior da Bahia. Segundo a PM, Francisco Felipe da Silva, de 25 anos, estava com a prisão preventiva decretada pela Justiça, e foi localizado na sexta-feira (29) em Ourives, distrito do município baiano. Ele teria resistido à ordem e prisão e disparado tiros contra os policiais, que reagiram e atiraram contra o suspeito. De acordo com a PM, o rapaz foi socorrido e levado a uma unidade de saúde da região, mas não resistiu aos ferimentos. A Polícia Civil de Guará havia instaurado um inquérito contra Silva pelos crimes de ameaça, lesão corporal e violência doméstica. Segundo a família da adolescente, o rapaz era agressivo e ciumento. Após ser atacada pelo ex, a jovem sofreu fraturas nos braços e ferimentos na cabeça. Ela permaneceu internada por duas semanas na Santa Casa, mas já recebeu alta e deverá passar por cirurgia nesta segunda-feira (2), segundo a família. Silva estava desaparecido desde a madrugada de sábado (16), quando invadiu a casa da família da ex e a espancou com uma barra de ferro. Ele ainda tentou atear fogo ao imóvel e agrediu o padrasto da jovem, que também ficou ferido. Na época, a Secretaria de Segurança Pública (SSP) informou que a Polícia Civil realizava diligências para prender o jovem. Dois dias após o crime, a Justiça mandou prender o suspeito. Segundo a Polícia Militar, o jovem é natural de Valença, no Piauí. Na sexta-feira, os policiais baianos, em parceria com agências de inteligência das PMs de São Paulo, Minas Gerais, Piauí e Bahia, conseguiram localizar o foragido em Tanhaçu. A PM informou que, ao visualizar as equipes policiais, Silva ignorou a ordem para se entregar e passou a atirar contra os oficiais, que revidaram, atingindo o suspeito. Apesar de ter sido socorrido e levado a uma unidade de saúde local, ele não resistiu. Com o agressor, segundo a polícia, foram apreendidos um revólver calibre 38, cinco projéteis deflagrados, uma intacta e três reservas. Também foram achados dois tabletes de maconha, pesando aproximadamente 400 gramas. Ainda não há informações sobre o local onde Silva será enterrado.

Grupo é preso ao tentar embarcar da Bahia para São Paulo com malas de dinheiro; homens são suspeitos de furto a banco

  • G1
  • 02 Dez 2019
  • 07:03h

(Foto: Divulgação/Polícia Federal Seis homens foram)

Seis homens foram presos na manhã deste domingo (1º), no aeroporto Internacional de Porto Seguro, no sul da Bahia, ao tentarem embarcar com malas que tinham dinheiro em espécie. As informações são das Polícias Federal e Militar da Bahia. De acordo com a PF, os homens tinham o objetivo de deixar a Bahia com destino a São Paulo. O valor achado nas malas não foi detalhado. A Polícia Militar informou que os presos são suspeitos de participarem do furto à uma agência do Banco do Brasil de Teixeira de Freitas, ocorrido na última sexta-feira (29). Conforme apontam as investigações, os homens são integrantes de uma quadrilha de roubo a banco e passaram a ser monitorados pelas forças estadual e federal após o furto em Teixeira de Freitas. Segundo o comandante da Cipe Mata Atlântica, major Ronivaldo Pontes da Silva, no dia do furto à agência em Teixeira de Freitas, o grupo conseguiu desarmar o sistema de alarme da agência e levar o dinheiro. Nenhuma vítima foi abordada ou ferida na ação. No dia do furto, os assaltantes chegaram à agência durante a madrugada. Segundo a polícia, foram encontradas diversas ferramentas espalhadas pela agência, além de cofres abertos e vazios. A quadrilha e o dinheiro recuperado foram encaminhados para unidade policial de Teixeira de Freitas. Participaram do trabalho integrado equipes da Cipe Mata Atlântica, do 8° BPM (Porto Seguro) e da PF.