BUSCA PELA CATEGORIA "Bahia"

Conquista: Homem é preso suspeito de tentar matar ex e assassinar primo da vítima por ciúmes

  • G1
  • 14 Abr 2019
  • 08:11h

Foto: Divulgação/Polícia Civil

Um homem foi preso, na sexta-feira (12), suspeito de tentar matar a ex-companheira e depois assassinar o primo dela a tiros, na cidade de Vitória da Conquista, no sudoeste da Bahia.De acordo com a Polícia Civil, o suspeito cometeu o crime na última segunda-feira (8), porque acreditava que a ex tinha um envolvimento amoroso com o primo dela. Conforme a polícia, Manoel Vieira dos Santos não aceitava o fim do relacionamento de 20 anos com a mulher e, desde a separação, há dois anos, passou a persegui-la, mesmo tendo uma medida protetiva contra ele. Segundo a polícia, a ex-companheira da vítima, que não teve o nome divulgado, foi atacada no centro da cidade. Já o primo dela, identificado como Jorge Marcos, estava no povoado de Bate Pé, na zona rural, quando foi baleado e morreu. De acordo com a polícia, no momento do ataque a Jorge, a irmã dele também foi baleada. A mulher ficou ferida no braço esquerdo, foi socorrida e sobreviveu. Após os crimes, as delegacias de Homicídio (DH) e Especial de Atendimento a Mulher (DEAM) pediram a prisão preventiva do suspeito, que foi determinada pela Justiça e cumprida pela polícia na sexta-feira. Conforme a polícia, o suspeito será encaminhado para o Conjunto Penal de Vitória da Conquista, onde ficará à disposição da Justiça.

Sudoeste: Moradores de área sob risco com barragem interditada denunciam poluição e apontam que empresa segue em operação

  • G1
  • 12 Abr 2019
  • 18:45h

Foto: Reprodução/TV Sudoeste

Moradores da área onde fica a barragem de rejeitos de mineração que foi interditada, no início da semana, na zona rural do município de Maiquinique, no sudoeste da Bahia, denunciam que a empresa segue em operação, mesmo com determinação para não funcionar. "Ninguém parou. Tá todo mundo trabalhando. O povo está todo aí. Os caminhões estão rodando", disse o pecuarista Edinilson Silva. A mineradora foi interditada pela Agência Nacional de Mineração (ANM), na terça-feira (9), após uma avaliação técnica, que classificou a unidade na categoria de risco alto, tornando a represa uma das três de maior ameaça no país. Neste sentido, a barragem apresenta risco maior que as de BrumadinhoMariana - onde aconteceram as tragédias que deixaram centenas de mortos em Minas Gerais -, que eram consideradas de risco baixo. De acordo com o relatório técnico de interdição emitido pelos auditores, a mineradora tem gravidade iminente de acidente de trabalho, que pode resultar em morte ou lesão grave à integridade física ou à saúde de cerca de 150 trabalhadores. Entre os problemas, segundo o documento, está a falta de instrumentos para monitorar a barragem, que tem sinais de falha da estrutura e corre risco de rompimento. A unidade tem 20 metros de altura e mais de 348 mil metros cúbicos de rejeitos armazenados. A administração do local é de responsabilidade da empresa Grafite Brasil. Além do descumprimento da determinação da ANM, problemas provocados pela mineradora também são apontados pelos moradores da região, incluindo a poluição do ar e da água. Por conta disso, algumas pessoas chegaram a sair de casa. Um dos moradores que se mudaram é o aposentado Herozino Pereira. Quando ele começou a morar na região, em 1942, a barragem ainda não estava em atuação. Contudo, ao longo dos 76 anos no local, foi sofrendo com os problemas. Há sete meses, o idoso deixou a casa onde morava, contra a vontade, para, segundo ele, preservar a saúde. "Para mim foi difícil, pelo modo que eu gosto daqui. Tinha meu pai, minha mãe, todos sepultados aqui. Eu gostava demais daqui", disse seu Herozino Pereira. O filho do aposentado, Heroizo Pereira Filho, conta que o pó proveniente da extração do grafite invade as casas, e que os resíduos liberados pela água que sai da barragem caem no rio que passa na região. "Tivemos que sair, porque se não saísse, olha a situação que está aqui... grafite cai o dia todo. Não tem ninguém que atenda a gente [na empresa]. Quando chega lá, só tem promessa em vão", disse Herozino Pereira Filho. "Eles abrem a comporta lá para soltar a água que eles usam e alaga tudo, espuma a água de produto químico. A água não faz aquilo. Usamos uma água aqui a 4 km de distância, encanada, porque não podemos usar a água do rio", completou. A reportagem tentou falar com um representante da empresa, para se pronunciar sobre as denúncias, mas ninguém quis receber a equipe da TV Sudoeste, afiliada da TV Bahia na região Após a interdição, no início da semana, a Grafite do Brasil emitiu uma nota e informou que desde o acidente em Brumadinho inspeciona diariamente a barragem de Maiquinique, e que, desde fevereiro, implementou plano de ação de melhorias da estrutura e instrumentos para monitoramento da barragem. A empresa informou também que não há risco de rompimento da barragem, que, segundo ela, segue as leis e normas de segurança.

Nova etapa do recadastramento biométrico terá atendimento por hora marcada priorizado na BA para evitar filas

  • 12 Abr 2019
  • 09:13h

Foto: Reprodução / TRE-BA

O atendimento por hora marcada será priorizado na próxima etapa do recadastramento biométrico na Bahia. A informação foi divulgada nesta quinta-feira (11) pelo presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Estado (TRE-BA), desembargador Jatahy Júnior.De acordo com o desembargador, a ação tem como objetivo evitar as longas filas e o desgaste dos servidores públicos registrados na etapa passada do atendimento. A nova fase do recadastramento biométrico será iniciada em 13 de maio. O agendamento começa no dia 6. Confira o cronograma. “A nossa meta é permitir que o eleitor possa realizar o procedimento do modo mais confortável possível e, por isso, a regra será o agendamento, que poderá ser feito pelo site do TRE, por telefone e em unidades físicas, onde o cidadão que não possui acesso à internet poderá comparecer para agendar seu horário, com ajuda de colaboradores do Eleitoral”, afirmou. O endereço na internet, número da central de atendimento e locais onde funcionarão as unidades para agendamento presencial serão divulgados posteriormente. Segundo o TRE-BA, cerca de 2,9 milhões de eleitores deverão fazer o recadastramento nesta etapa. O número equivale a cerca de 30% do total de eleitores do estado, que corresponde a pouco mais de 10,4 milhões de pessoas. Das 417 cidades baianas, 281 entrarão em fase obrigatória de revisão biométrica. No total, são 108 zonas eleitorais do estado que ainda não concluíram o procedimento. “Desse modo, estamos agora submetendo todo o restante dos nossos eleitores ao procedimento obrigatório e esperamos concluir a biometria no estado antes das Eleições Municipais de 2020”, completou o presidente do TRE-BA.

Nelson Leal se junta a Wagner e critica preço ‘abusivo’ de passagens aéreas

  • bahia.ba
  • 12 Abr 2019
  • 07:22h

(Foto: Divulgação)

O presidente da Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), Nelson Leal, fez coro com o senador Jaques Wagner para criticar o preço “abusivo” das passagens aéreas no Brasil. “Passagem aérea no Brasil já é caso judicial. Os preços cobrados para o transporte aéreo no Norte/Nordeste do país são abusivos e a cobrança em separado de bagagem não reduziu em nada o preço delas. Sem contar as queixas que recebemos diariamente de voos cancelados sem prévia informação ao passageiro. A Bahia é um estado dependente do turismo e a questão das tarifas aéreas é vital para a nossa economia”, disse nesta quinta-feira (11). Ele revelou ainda que irá convocar uma audiência pública para debater o assunto. O senador Jaques Wagner tratou do assunto em recente audiência pública na Comissão de Desenvolvimento Regional do Senado Federal, com o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio. “Vamos trazer esse debate também para a Assembleia Legislativa da Bahia. Em todo o mundo há uma grande disputa pelo mercado aéreo. O que vemos no Brasil é um quase monopólio, com preços cartelizados. Para quem vem ou sai da Bahia, são preços similares – ou até superiores – aos de voos internacionais”, afirmou Leal. O presidente da Alba também criticou o comportamento das companhias aéreas que cobram altas taxas para devolução do crédito quando existe a desistência da viagem. “Sou totalmente a favor do mercado, desde que haja competição e regras claras. O que não pode é a companhia aérea tratar o passageiro com menosprezo. Ficar com o dinheiro sem prestar o serviço é crime de ‘apropriação indébita’. Caso a passagem não tenha sido utilizada, deve-se ficar como crédito para uma próxima viagem. As aéreas têm uma péssima imagem, agravada ainda mais com a cobrança pela bagagem, com a promessa de que as tarifas cairiam. Não só não caíram, como subiram demais”, finalizou.

Empresa responsável por barragem em Maiquinique se pronuncia sobre os riscos de rompimento

  • Blog do Rodrigo Ferraz
  • 11 Abr 2019
  • 14:03h

(Foto: Divulgação)

Após a grande repercussão sobre o risco de rompimento da barragem localizada na zona rural de Maiquinique, região Sudoeste da Bahia, a empresa responsável, a Grafite do Brasil, veio por meio de nota enviada à imprensa tranquilizar a população local sobre qualquer risco que eventualmente poderiam ocorrer. Em Nota disse que em caso de rompimento não atingiria nenhum município das proximidades, disse ainda que não se pode comparar o tamanho da barragem local com a que rompeu em Brumadinho e Mariana e disse que a barragem passa por inspeção diária. Leia abaixo a nota na íntegra:

PRONUNCIAMENTO GRAFITE DO BRASIL SOBRE

ESCLARECIMENTOS DAS BARRAGENS DA EMPRESA

Em razão dos eventos recentes relacionados às barragens de rejeito de mineração, vem ocorrendo em Maiquinique e região um alvoroço sobre a existência de barragens nas dependências da Grafite do Brasil. Desse modo, julgamos ser necessário esclarecer e tranquilizar a população.

A Barragem 01 é uma estrutura de pequeno porte e que foi construída pelo método de alteamento a jusante, notadamente um método construtivo mais seguro e menos propenso a eventos como os das estruturas da Vale. Ela possui 20 metros de altura e 348.370m3 de volume de rejeito armazenado (quase 5 vezes menor em altura e 50 vezes menor em volume de rejeito se comparado à estrutura de Brumadinho). A Barragem 01 não pode ser minimamente comparada com as estruturas de Mariana e Brumadinho, que eram estruturas de grande porte, sendo qualquer comparação realizada irresponsável e mal-intencionada.

Desde o mês de fevereiro, ou seja, antes da fiscalização da ANM, a empresa implantou um plano de ação de melhorias em suas estruturas, contando inclusive com a instalação de instrumentação para monitoramento das barragens. Os serviços vêm sendo executados ininterruptamente desde então e estarão devidamente finalizados em um curto espaço de tempo.

As barragens sofrem inspeções regulares quinzenalmente e, após o incidente de Brumadinho, vem sendo inspecionadas diariamente. Além disso, foi apresentada em Março a declaração de condição de estabilidade emitida pelo corpo técnico da empresa, que conta com profissional capacitado e com experiência na área, como preconiza a lei e órgãos fiscalizadores. A empresa também possui um auditor externo que faz avaliação de todas as estruturas durante todo o ano. Ambas as barragens possuem também o PSB (Plano de Segurança de Barragens) e o PAE – Plano de Ação Emergencial.

Em relação a um suposto evento que pudesse ocorrer com a estrutura, gostaríamos de ratificar que uma onda de rejeito NÃO teria capacidade e força para atingir NENHUM município localizado nas proximidades da empresa, de forma que a população de Maiquinique, Pouso Alegre, Jordânia e região podem estar tranquilas em relação a sua segurança.

A Grafite do Brasil vem ratificar seu comprometimento com a sociedade, o meio ambiente e com o cumprimento de leis. Por isso, atua constantemente na inspeção e melhorias na segurança das estruturas. Desde o mês de julho do ano passado, são realizadas revisões na documentação e elaboração de projetos para melhoria nos dispositivos de avaliação da estrutura. 

A população e órgãos municipais podem ficar tranquilizados de que eventos como os de Minas Gerais não ocorrerão por causa de nossas estruturas na região. Além disso, a parceria entre órgãos ambientais, municipais e a empresa irá proporcionar uma maior transparência nas ações realizadas para garantir a segurança de nossa comunidade.

Atenciosamente,

GRAFITE DO BRASIL

Mãe de criança com microcefalia e problemas motores na BA faz vaquinha online para filha fazer cirurgia no Piauí

  • 11 Abr 2019
  • 13:14h

Foto: Reprodução/Instagram

Uma mulher que mora em Salvador está organizando uma vaquinha online para que a filha de 6 anos, que nasceu com microcefalia e desenvolveu outros problemas de saúde, possa realizar uma cirurgia no estado do Piauí. Inaína dos Santos conta que a filha, Rafaela Vitória, nasceu com uma série de problemas de saúde. De família humilde, a mulher diz que não tem condições de arcar com os cursos da viagem ao Piauí para que a menina possa ser submetida ao procedimento médico. A criança atualmente não anda, não fala e, para se alimentar, precisa da ajuda de uma sonda. De outubro de 015 a 30 de novembro de 2018, 1,8 mil casos de microcefalia foram notificados na Bahia em 252 municípios. Do total, 41,5% concentraram-se em Salvador. Inaína conta que a gravidez da filha foi planejada, mas que a vida dela mudou completamente após o nascimento da criança. Relata ter sido vítima de um erro médico, pela demora na realização do parto, o que levo a filha a desenvolver encefalopatia crônica não progressiva, que acarretou problemas motores na criança.Depois do parto, a mãe conta que deixou a maternidade com a filha com a informação dos médicos de que a criança precisava fazer um tratamento com neurologista e fisioterapeuta. A mãe disse, no entanto, que só teve noção da real gravidade da situação da menina dois meses depois, quando descobriu que teria que se dedicar 24h por dia à filha. Inaína conta que precisou de um acompanhamento psicológico por dois anos para lidar com a situação. A mulher trabalhava como diarista e, de repente, teve que largar tudo para viver exclusivamente em função da pequena Rafaela. Entres as dificuldades, a mãe fala da luta para encontrar uma creche para a filha e os gastos com transporte até a unidade de educação — ela lembra que chegou a ter uma rotina de pegar cinco ônibus por dia, além do metrô, para levar a filha na escola. "A maior dificuldade é em relação com o tratamento, conseguir fisioterapia, medicamentos de alto custo. São muitas as dificuldades para ela ter os direitos dela respeitados", dis Inaína, que só tem Rafaela como filha.

Vaquinha

A cirurgia no Piauí, diz a mãe, pode ajudar a filha a andar. Ela diz que o procedimento médico vai ser feito pelo plano de saúde, mas precisa de dinheiro para bancar a viagem e os custos com a hospedagem. "Precisamos de dinheiro para pagar passagem aérea, hospedagem e alimentação durante os 30 dias que vamos ficar lá. Primeiro, vamos eu e ela. Depois, minha tia também vai para me ajudar lá", diz. "A viagem tem que ser dia 13 de maio, porque a consulta está marcada para o dia 14. O médico vai avaliar e vamos ver quando ela poderá fazer a cirurgia", afirma Inaína A vaquinha para arrecadar os fundos foi criada por Inaína na última sexta-feira (5). O objetivo é arrecadar R$ 10 mil. Até o final da manhã desta quinta-feira (11), R$ 268,10 tinha sido doados.

Suspeito de matar filha de 11 anos que foi defender a mãe é achado morto na Bahia

  • 11 Abr 2019
  • 12:12h

Foto: Divulgação/Bahia10

O homem suspeito de matar a tiros a filha de 11 anos que foi defender a mãe, durante uma discussão entre o casal, em Muritiba, no recôncavo da Bahia, foi achado morto na noite de quarta-feira (10), em Lauro de Freitas, região metropolitana de Salvador. Michele Magalhães Rodrigues foi morta na noite de domingo (7), no povoado de São José de Itaporan. O outro filho do casal, de cinco anos, também foi atingido pelos disparos, mas sobreviveu. Após o crime, Lucival de Oliveira Rodrigues, conhecido como "Buti da Rifa" fugiu do local. De acordo com a SSP-BA, Lucival, que até então era considerado foragido, foi encontrado morto em um condomínio no bairro Caji. Segundo a polícia, a principal suspeita é de que ele tenha cometido suicídio.Segundo a SSP-BA, equipes da Delegacia Territorial de Muritiba, que apura a morte da criança, receberam a informação de que o homem estava escondido em Lauro de Freitas. Policiais foram até o local mas, ao chegarem, encontraram Lucival morto.

Coelba desliga 17 mil ligações irregulares na Bahia

  • A Tarde
  • 11 Abr 2019
  • 10:10h

(Foto: Divulgação)

A Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia (Coelba) divulgou nesta quarta-feira, 10, um balanço do primeiro trimestre de 2019. Segundo a concessionária, foram realizadas 43 mil inspeções nesse período, com autuação  de 17 mil unidades consumidoras irregulares (residências e estabelecimentos comerciais), valor suficiente para abastecer todo o município de Lauro de Freitas durante um mês. Somente em Salvador e Região Metropolitana, aproximadamente nove mil inspeções foram realizadas durante o período trimestral. Dessas vistorias, identificou-se 4,7 mil irregularidades. Além das ações de fiscalização regulares, a Coelba realiza operações com o apoio da Secretária de Segurança Pública em todo o estado. Um trabalho que serve de conscientização da população sobre os riscos e impactos existentes nas irregularidades.

Produção industrial da BA cresce 6,5% em fevereiro, aponta IBGE; percentual é o maior no país

  • 10 Abr 2019
  • 10:12h

Foto: Flavio Moraes/G1

A produção industrial da Bahia cresceu 6,5% em fevereiro de 2019, na comparação com janeiro, segundo a Pesquisa Industrial Mensal - Produção Física Regional (PIM-PF Regional), divulgada nesta terça (9), pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Foi o primeiro aumento da atividade fabril no estado, nessa comparação, após três recuos seguidos. Com o crescimento, segundo o IBGE, foi eliminada a perda de 5,5% acumulada entre novembro de 2018 e janeiro de 2019. O resultado de fevereiro da produção industrial baiana foi o melhor dentre as 15 áreas pesquisadas pelo IBGE. O desempenho foi ainda significativamente superior ao da indústria do país como um todo, que fechou com alta de 0,7%. Frente a fevereiro de 2018, a produção industrial baiana também cresceu (2,5%), após ter recuado em janeiro (-5,7%). Nessa comparação, o desempenho do estado ficou um pouco acima da média nacional (2,0%) e acompanhou o movimento de avanço verificado em 10 dos 15 locais pesquisados. O avanço de 2,5% na produção industrial da Bahia, na comparação com fevereiro de 2018, foi resultado dos desempenhos positivos tanto na indústria extrativa (12,9%) quanto na de transformação (2%). Das 11 atividades da indústria de transformação pesquisadas separadamente no estado, 5 tiveram crescimento de produção. Os destaques, em termos de magnitude do aumento foram para metalurgia (30,6%), fabricação de produtos de minerais não-metálicos (26,6%) e fabricação de veículos automotores, reboques e carrocerias (14,7%). Entretanto, por seu peso na estrutura da indústria no estado, o segmento automobilístico e a metalurgia foram, nessa ordem, as principais influências positivas no resultado de fevereiro. A fabricação de veículos teve seu primeiro resultado positivo na Bahia depois de cinco quedas sucessivas (desde setembro de 2018). Já a produção da metalurgia voltou a crescer após ter recuado em janeiro (-11,3%). Por outro lado, das seis atividades que tiveram quedas de produção em fevereiro, frente ao mesmo mês de 2018, as influências mais fortes vieram, respectivamente, da fabricação de celulose, papel e produtos de papel (-22,7%, a maior retração) e da fabricação de outros produtos químicos (-6,4%). Ambos os segmentos mostraram o quarto recuo consecutivo. Ainda de acordo com o IBGE, apesar dos resultados positivos do mês, a produção industrial na Bahia se mantém no negativo tanto no acumulado em 2019 (-1,8%) quanto nos 12 meses encerrados em fevereiro (-0,2%). O órgão aponta que ambos os resultados estão aquém da média nacional (-0,2% e 0,5%, respectivamente), embora mostrem desaceleração no ritmo de queda em relação a janeiro.

Vendas do varejo crescem

Também no mês de fevereiro, as vendas do varejo na Bahia voltaram a crescer (0,7%) em relação ao mês anterior, na série livre de influências sazonais, após dois recuos consecutivos (-0,2% em janeiro e -8,8% em dezembro/18). Os dados são da Pesquisa Mensal de Comércio (PMC), também divulgada pelo IBGE nesta terça. Nessa comparação, o resultado do varejo baiano foi o melhor para um mês de fevereiro desde 2010 (0,9%) e igualou ao desempenho de 2012. Foi também superior ao do país como um todo, onde o comércio varejista ficou estável (0,0%), em fevereiro, com quedas nas vendas em 15 dos 27 estados, destacando-se Paraná (-1,5%), Distrito Federal (-1,1%) e Piauí (-1,1%). O resultado também foi positivo para a Bahia na comparação com fevereiro de 2018. As vendas do varejo cresceram 5,7%, num resultado significativamente acima da média nacional (3,9%) e o melhor para o mês, no estado, desde 2014 (15,8%). Nesse confronto, houve predomínio de resultados positivos, que atingiram 22 das 27 unidades da Federação, com destaque para Espírito Santo (12,6%), Acre (9,0%) e Pará (8,2%). Com o crescimento no mês, as vendas do varejo baiano acumulam alta de 2,5% no ano de 2019 e mostram uma variação positiva de 0,5% nos 12 meses encerrados em fevereiro. Em ambos os casos, porém, o desempenho ainda está abaixo do verificado no país como um todo, onde as taxas são de 2,8% e 2,3% respectivamente. O IBGE aponta que o avanço do varejo baiano é fruto de aumentos nas vendas de 6 das 8 atividades, puxadas por móveis e eletrodomésticos (15,2%) e outros artigos de uso pessoal e doméstico (15,8%) Em fevereiro, na Bahia, 6 das 8 atividades do varejo restrito (que exclui as vendas de automóveis e material de construção) tiveram aumentos nas vendas, frente ao mesmo mês de 2018. Com os avanços mais significativos, os segmentos de móveis e eletrodomésticos (15,2%) e outros artigos de uso pessoal e doméstico (15,8%) foram também as principais influências positivas no mês. Além deles, o IBGE destaca o desempenho de outros dois segmentos: os hipermercados, supermercados, produtos alimentícios, bebidas e fumo (3,3%), que têm o maior peso no varejo do estado, mostraram o sétimo resultado positivo consecutivo. Já os combustíveis e lubrificantes (0,2%) tiveram a primeira variação positiva nas vendas depois de um ano e quatro meses de quedas sucessivas (desde setembro de 2017). Dentre as duas atividades em queda, o destaque negativo foi, mais uma vez, para as vendas de livros, jornais, revistas e papelaria (-50,6%), refletindo a crise que as grandes redes de livrarias enfrentam, em nível nacional, desde o ano passado.

O outro setor com recuo nas vendas foi o de equipamentos e materiais para escritório, informática e comunicação (-20,1%), que teve a quarta queda seguida.

CONTINUE LENDO

Barragem com risco maior que Brumadinho e Mariana é interditada na Bahia por risco de rompimento e inundação

  • G1
  • 10 Abr 2019
  • 07:08h

Foto: Divulgação

A Superintendência Regional do Trabalho na Bahia (SRT-BA) interditou, nesta segunda-feira (9), instalações e locais de trabalho de uma barragem de rejeitos de mineração no município de Maiquinique, sudoeste da Bahia, por risco de rompimento e inundação. A interdição foi decretada pela Agência Nacional de Mineração (ANM), que classificou a barragem como categoria de risco alto, tornando a represa uma das três de maior ameaça no país. As barragens de Brumadinho e Mariana, onde aconteceram as tragédias que deixaram centenas de mortos em Minas Gerais eram consideradas de risco baixo. O perigo foi avaliado por auditores-fiscais que constataram a gravidade iminente de acidente de trabalho, que pode resultar em morte ou lesão grave à integridade física ou à saúde de cerca de 150 trabalhadores. De acordo com o relatório técnico de interdição emitido pelos auditores, entre os problemas de segurança e saúde no trabalho está a falta de instrumentos para monitorar a barragem, que tem sinais de falha da estrutura. O relatório diz ainda que a mineradora Grafite do Brasil tem conhecimento de todas as irregularidades encontradas no local e deixa de adotar as medidas corretivas necessárias. Segundo a SRT, essas medidas são apontadas nas fichas de inspeção feitas por um engenheiro empregado da própria mineradora. A mineradora Grafite do Brasil é formada pelas empresas Samaca Ferros Ltda e Extrativa Metalquímica S/A. O G1 tentou contato com a Grafite do Brasil, mas não conseguiu falar até a publicação desta reportagem.

Encruzilhada: Campanha para ajudar bebê a realizar cirurgia no coração que custa 200 mil reais

  • Blog do Rodrigo Ferraz
  • 09 Abr 2019
  • 19:25h

Uma campanha solidária está ganhando cada vez mais força nas redes sociais. A campanha tem o intuito de ajudar o bebê Enzo, de apenas 5 meses. Ele é da cidade de Encruzilhada, cidade próxima a Vitória da Conquista. Enzo tem um grave problema no coração e precisa passar por uma cirurgia que custa em torno de 200 mil reais. Outra questão é que o bebê precisa estar saudável para quando tiver condições de realizar a cirurgia, para isso ele precisa tomar um leite, cuja lata custa 160 reais.Os pais, parentes e amigos estão mobilizados nas redes sociais e promovendo eventos beneficentes para arrecadas fundos. Quem quiser saber mais e tiver interesse em ajudar deve acessar o perfil do instagram ajude_enzzo.

Sudoeste: Cerca de duas toneladas de carne imprópria para consumo são apreendidas em mercados

  • G1
  • 09 Abr 2019
  • 17:19h

Foto: Divulgação/TV Sudoeste

Cerca de duas toneladas de carne imprópria para consumo foram apreendidas, na manhã de segunda-feira (8), no mercado municipal e em outro estabelecimento da cidade de Belo Campo, no sudoeste da Bahia. De acordo com informações da Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab), o alimento era de abate clandestino e era vendido mesmo estragado. A apreensão aconteceu durante uma operação realizada pela Adab, com apoio da Polícia Militar, Vigilância Sanitária e Ministério Público da Bahia (MP-BA). Segundo a Adab, foram fiscalizados 33 açougues e dois supermercados da região. Os estabelecimentos foram notificados para corrigir as irregularidades em um prazo de 30 dias.

TRT5-BA abre inscrições para 5ª Semana de Conciliação Trabalhista

  • 09 Abr 2019
  • 10:11h

Foto: Reprodução/TV Bahia

O Tribunal Regional do Trabalho da Bahia (TRT5-BA) abriu as inscrições dos processos na 5ª Semana Nacional da Conciliação Trabalhista, que acontecerá de 27 a 31 de maio.Os interessados devem acessar o site do Cejusc, preencher os dados e solicitar uma audiência, ou ainda, enviar um e-mail para [email protected] com o número da ação.O órgão informou que podem participar processos em qualquer fase de tramitação, da capital ou do interior. Os pedidos recebidos serão encaminhados para as varas (inclusive para as varas ainda não vinculadas ao Cejusc) para serem analisados e colocados em pauta.Em 2018, o Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região solicitou quase R$ 100 milhões em acordos. O Regional baiano foi o TRT de médio porte que mais realizou acordos no evento, promovendo 4.579 audiências, gerando 3.265 acordos que movimentaram, no conjunto, R$ 98.885.831,57.Além disso, o TRT-BA é o primeiro do país a permitir a conciliação por meio de aplicativo de celulares Jte (disponível no Google Play e AppStore).

Menina de 11 anos é morta a tiros pelo pai ao tentar defender a mãe de agressões na BA; irmão de 5 anos fica ferido

  • G1
  • 08 Abr 2019
  • 18:13h

Foto: Divulgação/Bahia10

Uma menina de 11 anos foi morta a tiros após tentar defender a mãe, que foi agredida pelo pai, na noite de domingo (7), no povoado de São José de Itaporan, na cidade de Muritiba, no recôncavo da Bahia.Conforme a Polícia Civil, o irmão de Michele Magalhães Rodrigues, que tem 5 anos, também foi baleado e ficou ficou ferido. O pai das vítimas, identificado como Lucival de Oliveira Rodrigues, conhecido como "Buti da Rifa", é o suspeito de cometer o crime e está foragido. De acordo com informações da polícia, Michele foi morta ao tentar defender a mãe, que não teve a identidade revelada. A mulher foi agredida a socos pelo marido. A Polícia Civil informou que Lucival Rodrigues agrediu a esposa após sentir ciúmes. As crianças, que estavam no imóvel, tentaram socorrer a mãe e foram baleadas. Michele morreu na hora e o menino foi socorrido e encaminhado para o Hospital Regional de Santo Antônio de Jesus. Não há informações sobre o estado de saúde dele. Segundo a polícia, o corpo de Michele Rodrigues foi encaminhado para o Instituto Médico Legal de Santo Antônio de Jesus. Não há informações sobre o velório e o sepultamento da vítima. O caso foi registrado na delegacia de Cruz das Almas, responsável pelo plantão no final de semana e vai ser investigado pela Polícia Civil de Muritiba. A mãe da criança deve prestar depoimento nos próximos dias.

Conquista: Homem morre e outro fica ferido após motocicleta atropelar cavalo

  • 08 Abr 2019
  • 17:06h

Foto: Reprodução/TV Sudoeste

Um homem morreu e outro ficou ferido após uma motocicleta atropelar um cavalo, na noite de domingo (7). O acidente aconteceu na BA-639, no trecho da cidade de Vitória da Conquista, no sudoeste da Bahia.De acordo com informações da Polícia Rodoviária Estadual (PRE), Nivaldo Silva Santos e Antônio Marcos Alves Ferraz foram surpreendidos pelo animal, que atravessava a pista. O acidente aconteceu por volta das 21h, entre os povoados de Abelhas e Inhobim. A PRE informou que Nivaldo Silva, que estava na carona da motocicleta, não resistiu aos ferimentos e morreu na hora. Já Antônio Marcos, foi socorrido e encaminhado para o Hospital Geral de Vitória da Conquista. Não há informações sobre o estado de saúde dele. A PRE também não soube informar o que aconteceu com o cavalo.